Nome do Projeto
Orações Interrogativas no Latim Tardio: Comparações com o Latim Clássico e o Português
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/01/2014 - 31/12/2017
Unidade de Origem
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes - Linguística
Resumo
Este projeto investigará a estrutura de orações interrogativas no período gramatical do latim tardio, realizando comparações com o latim clássico e com o português em diferentes fases de sua diacronia. Uma das ideias por trás da formulação desse projeto está a hipótese de que o latim tardio é um período gramatical importante para a formação das línguas românicas, incluindo-se evidentemente o português. Buscaremos caracterizar a evolução de dois tipos específicos de estruturas interrogativas: interrogativas com o sintagma Q deslocado para a periferia à esquerda da oração e orações interrogativas sim/não. Por exemplo, sabe-se que entre o latim clássico e o português seiscentista há diferenças no que diz respeito à ordem dos constituintes em orações interrogativas Q. A sistematização desse tipo de estrutura no latim tardio e de outras que serão alvo de nossa investigação permitirá observar um estágio precurssor das inovações do português em relação ao latim clássico. Além disso, teremos uma visão adicional de quão diferente o latim tardio realmente é do latim clássico.

Objetivo Geral

Objetivo geral:

Investigar a estrutura de orações interrogativas no latim tardio, em comparação com o latim o clássico e o português em diferentes fases de sua diacronia.


Objetivos específicos:

i) realizar uma descrição detalhada das estruturas interrogativas no latim tardio, focalizando em particular aspectos relativos à ordem de palavras;

ii) propor uma mapa estrutural da periferia à esquerda da sentença no latim tardio, determinando os núcleos funcionais relevantes que são ativados em orações interrogativas;

iii) comparar o padrão de interrogativas no latim tardio com o padrão de interrogativas no latim clássico;

iii) investigar o desenvolvimento diacrônico do latim tardio até o português brasileiro contemporâneo no que diz respeito à sintaxe das orações interrogativas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
PATRÍCIA TESSMANN1201/08/201429/02/2016

Página gerada em 13/12/2018 11:34:56 (consulta levou 0.069282s)