Nome do Projeto
Perfil epidemiológico das lesões de violência doméstica em mulheres - Pelotas-RS
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
31/01/2014 - 31/01/2015
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Saúde Coletiva
Resumo
Este estudo prospectivo tem como objetivo descrever o perfil epidemiológico de mulheres que sofrem de violência doméstica, bem como caracterizar as lesões físicas presentes nestas mulheres que são atendidas na 3a Coordenadoria Médico Legal de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. Esta pesquisa será concretizada através da análise de dados secundários, provenientes de laudos periciais. O projeto será encaminhado para avaliação e aprovação do Comitê de Ética e Pesquisa da Universidade Federal de Pelotas após autorização da instituição envolvida. O estudo contribuirá para conhecer as lesões mais prevalentes fruto da violência contra mulher para auxiliar nas políticas públicas e conhecimento aos profissionais de saúde.

Objetivo Geral

Geral
Identificar o perfil epidemiológico de mulheres que sofrem de violência física na cidade de Pelotas.
Específicos
Identificar o perfil das mulheres quanto a:
- idade;
- escolaridade;
- bairro de procedência;
- estado civil;
- profissão;
- cor da pele.
Identificar aspectos relativos à agressão:
- local da lesão;
- instrumento ou meio que produziu a ofensa;
- resultou incapacidade para as ocupações habituais por mais de trinta dias;
- notificação compulsória;
- se foi produzida por meio de veneno, fogo, explosivo, asfixia ou tortura, ou por outro meio insidioso ou cruel;
- gravidade da lesão;
-se houve perigo de vida;
- se resultou debilidade permanente ou incapacidade permanente para o trabalho.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final

Página gerada em 19/12/2018 11:49:19 (consulta levou 0.089950s)