Nome do Projeto
Qualidade de receptores nas células espermáticas e qualidade seminal após o descongelamento em reprodutores suínos suplementados com fontes de ácidos graxos poli-insaturados
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
22/05/2014 - 31/08/2016
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Resumo
Seis machos suínos sexualmente maduros serão utilizados como doadores de sêmen. Três machos comporão o grupo controle, recebendo ração comercial específica para reprodutores, e os demais três machos receberão a mesma ração suplementada com 60 g/dia de óleo natural de peixes (fonte de ômega 3). A suplementação iniciará um mês antes do experimento e se estenderá até a data da última coleta de sêmen. A coleta dos ejaculados será feita pelo método da mão enluvada. Serão coletados doze ejaculados de cada macho. Nas coletas de sêmen, será medida a espessura de toucinho dos machos por ultrassonografia e serão colhidas amostras de sangue, para obtenção de soros para análise pela técnica de ELISA. O sêmen congelado será armazenado em palhetas de 0,5 ml, contendo 1 × 109 espermatozoides. Antes do congelamento e após o descongelamento, serão avaliadas a motilidade e a morfologia espermáticas, por microscopia ótica com contraste de fase. A integridade da membrana espermática, do acrossoma e do DNA espermático serão avaliadas por citometria de fluxo. A produção de espécies reativas de oxigênio (ROS) será avaliada pelo teste de cinética modificado, com leitura através fluorímetro. A presença dos receptores para leptina e IGF-1 na membrana espermática, antes e após o congelamento do sêmen, será avaliada por imunocitoquímica. As amostras de sangue serão usadas nas análises dos marcadores IGF-I e leptina, através da técnica de ELISA. A quantificação dos marcadores metabólicos será realizada por métodos colorimétricos com espectrofotômetro de luz visível FEMTO 435®, através de kits reagentes específicos. As respostas de interesse (ET, nível de dosagem hormonal, quantidade de receptores de leptina e IGF-1 e parâmetros de qualidade seminal) serão comparadas entre os tratamentos através de análise de variância com medidas repetidas, com o efeito da data das coletas agrupado ao efeito individual dos machos. As comparações entre médias serão feitas pelo método LSD. Nos casos nos quais não houver normalidade na distribuição dos dados, as comparações serão feitas com o teste não paramétrico dos rankings de Wilcoxon.

Objetivo Geral

Objetivo Geral

Determinar os níveis de marcadores metabólicos e moleculares e a qualidade seminal pós-descongelamento em machos suínos suplementados com dieta contendo fontes de PUFAs.

Objetivos Específicos

Comparar os níveis dos marcadores metabólicos leptina e IGF-1 na circulação, entre machos suínos suplementados ou não com PUFAs;
Determinar os níveis dos receptores de leptina e IGF-1 nas células espermáticas de machos suínos, com posterior comparação entre animais suplementados ou não com PUFAs;
Avaliar o efeito da suplementação com fontes PUFAs sobre a qualidade seminal pós-descongelamento;
Avaliar o potencial efeito antioxidante da dieta suplementada com PUFAS sobre as células espermáticas após o descongelamento.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ARNALDO DINIZ VIEIRA122/05/201431/08/2016
BARBARA DA SILVA ALVES222/05/201431/05/2016
CLAUDIO JUNIOR MACHADO POSSER422/05/201429/02/2016
EDENARA ANASTÁCIO DA SILVA1201/08/201431/07/2015
FRANCISCO DE ASSIS ARAÚJO CAMELO JÚNIOR1201/08/201531/07/2016
FRANCISCO DE ASSIS ARAÚJO CAMELO JÚNIOR1515/06/201515/06/2016
GEÓRGIA DA CRUZ TAVARES1201/10/201531/07/2016
PEDRO SICA CRUZEIRO1201/08/201430/09/2015
YARA TAYANA ANDRIOLA822/05/201429/02/2016

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CNPqR$ 58.420,00
FINEPR$ 50.000,00

Página gerada em 20/11/2019 05:08:49 (consulta levou 0.080360s)