Nome do Projeto
A EXPANSÃO E MERCANTILIZAÇÃO DO ENSINO SUPERIOR: Estudo descritivo tendo como base a expansão dos cursos de graduação da área de administração da cidade de Pelotas na última década
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
28/05/2014 - 28/12/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas - Administração
Resumo
O presente trabalho propõe-se a estudar a forma como o ensino superior tem se tornado um negócio mercantil, onde universidades tem adotado cada vez mais a postura de empresas, consequentemente visando o lucro. Existem duas formas básicas de a burguesia, isto é, o capital, encarar a educação escolar: educação-mercadoria ou mercadoria-educação. Cada uma dessas perspectivas se liga diretamente à forma como o capital busca a autovalorização e cada uma delas é face de uma mesma moeda, ou seja, são formas sob as quais a mercadoria se materializa no campo da formação humana (RODRIGUES, 2007, p.5). Dentro deste contexto visamos à identificação de todos os cursos de Administração que são oferecidos pelas Instituições de Ensino Superior (IES), sejam elas públicas ou privadas na cidade de Pelotas. Mas para tal, precisamos estudar as IES em uma ótica mais ampla, descrevendo a expansão do ensino superior no Brasil em suas IES públicas e privadas na última década. Crescimento impulsionado pelos programas desenvolvidos pelo Ministério da Educação, o Programa Universidade Para Todos (PROUNI), que oferece bolsas de estudos aos alunos de baixa renda para ingresso na rede privada e também a Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (REUNI), que busca a ampliação e o acesso da rede pública. Salientaremos a questão das cotas e dos benefícios em geral aos menos favorecidos financeiramente nas IES e como isso fez com que as Instituições de Ensino Superior privadas tivessem tanto sucesso no mercado durante décadas. A partir do estudo do crescimento da educação de nível superior no Brasil, partiremos então à análise da cidade alvo deste artigo que é Pelotas. Como já citado anteriormente, verificaremos o crescimento dos cursos de Administração nos últimos dez anos, assim como a expansão daqueles já existentes, buscando informações sobre cada um e analisando alguns aspectos como: matriz curricular, número de disciplinas, tempo de conclusão, modalidade de ensino, valores, processo de ingresso, nota do ENADE, formas de conclusão, existência de estágio curricular, bem como quaisquer informações que sejam pertinentes e que possam enriquecer este estudo.

Objetivo Geral

Levando em consideração o crescimento desenfreado do ensino superior na cidade de Pelotas e a importância do curso de Administração na formação de empreendedores, empresários e gestores, este trabalho tem como objetivo verificar a expansão e mercantilização do ensino superior, tendo como base a expansão dos cursos de graduação da área de administração da cidade de Pelotas na última década
Constituem os objetivos específicos deste estudo:
- Verificar historicamente a expansão e mercantilização das IES em Pelotas na última década, utilizando como correlação para esta análise a expansão dos cursos de graduação da área de administração;
- Analisar as diferenças existentes entre os cursos da área de administração que surgiram em Pelotas na última década, segunda aspecto tais como: matriz curricular, número de disciplinas, tempo de conclusão, modalidade de ensino, valores, processo de ingresso, nota do ENADE, formas de conclusão, existência de estágio curricular, bem como quaisquer informações que sejam pertinentes e que possam enriquecer este estudo;
- Avaliar o mercado em que as IES se apresentam na cidade de Pelotas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CYBELE DE SOUZA COELHO428/05/201428/12/2014
MATHEUS GARCIA PINHO428/05/201428/12/2014
TIANE ROCHA DE BRITO428/05/201428/12/2014

Página gerada em 18/09/2019 04:25:48 (consulta levou 0.065689s)