Nome do Projeto
Centro, periferia e circulação urbana: produção de modelo e software para diferencia-ção espacial de tecidos urbanos através de medida de acessibilidade
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/10/2014 - 01/10/2016
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas - Planejamento Urbano e Regional - Métodos e Técnicas do Planejamento Urbano e Regional
Resumo
A investigação é dedicada a desenvolver geotecnologias para para diferenciação espacial de tecidos urbanos através de medida de acessibilidade, com produção de software utilizando teoria de grafos. A pesquisa é continuidade de trabalho anterior, que vem produzindo o software UrbanMetrics, o qual depende de recursos externos para torna-se operacional. O assunto é abordado a partir da visão sistêmica da cidade e sob a ótica da morfologia urbana, utilizando instrumentos de análise configuracional e de modelagem urbana, em ambiente computacional. A pesquisa propõe a análise comparada de diferentes tipos de traçado viário (xadrez, radial, cluster ou agrupamentos e semi-retículo ou orgânico), inicialmente sem influência do sistema de circulação e posteriormente considerando essa influência de dois modos: priorizando as áreas centrais e priorizando as áreas periféricas. São esperados três resultados combinados: a) melhorias de no sistema de circulação em áreas centrais tendem a aumentar a acessibilidade média do sistema, porém também aumentam as desigualdades entre centro e periferia; b) de outro modo, melhorias em áreas periféricas tendem a aumentar menos a acessibilidade média do sistema, porém podem diminuir desigualdades entre centro e periferia; c) esses efeitos podem ser acirrados em determinados tipos de traçado urbana, aumentando a partir dos traçados cluster ou agrupamentos, depois menos em xadrez e radial e menos ainda em semi-retículo ou orgânico. Para realizar essas análises comparadas, a investigação está proposta para produzir o software UrbanMetrics, que através de tecnologia local implementa um modelo de avaliação intra-urbana capaz de medir a acessibilidade espacial, podendo também simular diferentes modos de circulação.

Objetivo Geral

Os objetivos gerais deste trabalho são de associar diferentes padrões de traçados viários urbanos à acessibilidade, buscando estabelecer semelhanças e diferenças, verificando também os efeitos do sistema de circulação na acessibilidade, para diferentes padrões de traçado viário urbano, no centro e na periferia das cidades.
De modo específico está a produção de modelo e software para realizar os trabalhos, alcançando um produto de tecnologia local que pode ser empregado nesta e em diversas outras investigações.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA PAULA NETO DE FARIA401/10/201401/10/2016
ANA PAULA POLIDORI ZECHLINSKI401/10/201401/10/2016
NELSON ARAUJO CABELLEIRA201/10/201401/10/2016
OTAVIO MARTINS PERES401/10/201401/10/2016

Página gerada em 25/06/2019 05:21:21 (consulta levou 0.080824s)