Nome do Projeto
Seletividade de agrotóxicos utilizados na cultura do trigo aos predadores Cycloneda sanguinea (Linnaeus, 1763) (Coleoptera: Coccinellidae) e Chrysoperla externa (Hagen, 1861) (Neuroptera: Chrysopidae) em condições de laboratório, semi-campo e campo
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/10/2014 - 30/09/2017
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Agrárias - Agronomia - Entomologia Agrícola
Resumo
A cultura do trigo é de suma importância na alimentação humana, podendo ser usado também na alimentação animal. Para grandes produtividades serem obtidas a principal medidas fitossanitárias devem ser adotadas para o controle de insetos, doenças e plantas daninhas. Uma das principais medidas de controle que os agricultores usam é o controle químico através do uso de agrotóxicos. No entanto, esses agrotóxicos podem afetar de forma negativa os inimigos naturais, que são promotores do controle biológico dessas pragas. Cycloneda sanguinea e Chrysoperla externa são dois predadores muito vorazes e são encontrados na cultura trigo, predando principalmente os pulgões. Para que o controle químico e o controle biológico possam ser associados de forma harmoniosa nas lavouras de trigo é necessário que os produtos químicos utilizados sejam seletivos aos insetos benéficos. Nesse sentido, estudos de seletividade a inimigos naturais podem gerar uma grande quantidade de informações importantes para que a associação desses dois métodos de controle possa ser viabilizada, e com o mínimo impacto ao meio ambiente. Nesse sentido o objetivo deste projeto é estudar a seletividade de agrotóxicos utilizados na cultura do trigo aos predadores C. sanguinea e C. externa, utilizando como base metodologia da “International Organization for Biological and Integrated Control of Noxious Animals and Plants” (IOBC), através de bioensaios sobre larvas, efeitos subletais, de pulverização direta em ovos e pupas, testes de presistência biológica em larvas e adultos e experimentos de campo com larvas.

Objetivo Geral

Objetivos
1. Geral

• Este trabalho terá como objetivos gerais a utilização e o aprimoramento das metodologias experimentais propostas pela IOBC/WPRS para a avaliação dos efeitos de agrotóxicos mais utilizados na cultura do trigo sobre os predadores C. sanguinea e C. externa em condições de laboratório, semi-campo e campo.

2. Específicos

• Determinar a seletividade dos principais agrotóxicos utilizados na cultura do trigo aos estágios larvais e adultos de C. sanguinea e C. externa.
• Verificar a persistência biológica (duração da atividade nociva) por meio de bioensaios em casa de vegetação dos agrotóxicos que previamente apresentaram toxicidade para os estágios larvais e fase adulta dos predadores em laboratório.
• Confirmar a real toxicidade dos agrotóxicos para C. sanguínea e C. externa através de experimentos de seletividade realizados no campo, em lavoura comercial de trigo.
• Avaliar os efeitos subletais decorrentes da utilização dos agrotóxicos sobre os predadores C. sanguínea e C. externa.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
FLAVIO AMARAL BUENO1201/01/201631/07/2017
ISAC HERES LOPES301/10/201430/09/2017
RAFAEL ANTONIO PASINI1201/10/201430/09/2017
STEFÂNIA NUNES PIRES1201/08/201531/12/2015

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 12.000,00

Página gerada em 09/12/2018 18:23:28 (consulta levou 0.076494s)