Nome do Projeto
Filosofia Aberta
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
30/04/2015 - 05/03/2018
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Humanas - Filosofia
Resumo
O projeto FILOSOFIA ABERTA tem por objetivo viabilizar diferentes estratégias de ação para possibilitar um efetivo avanço na utilização de tecnologias de informação e comunicação no ensino de Filosofia na modalidade a distância. Dentre as principais estratégias, destacamos a criação do LAPPEMA (Laboratório Permanente de Pesquisa em Educação Massiva e Aberta) para a qualificação de materiais audiovisuais do Curso de Filosofia a Distância da UFPEL e utilização das mais recentes plataformas para a elaboração e disponibilização de Cursos Massivos e Abertos (tais como o COURSERA, VEDUCA e UNESP ABERTA); a qualificação das publicações de livros eletrônicos do Núcleo de Ensino e Pesquisa em Filosofia (NEPFIL) através da utilização da plataforma de gerenciamento Open Monograph Press (disponibilizada pelo Public Knowledge Project); a criação do espaço FILOSOFIA ABERTA para viabilizar a produção de Cursos de Extensão e de Formação Livre na Modalidade a Distância (Open Course Ware) através da disponibilização de materiais didáticos, vídeo-aulas, exercícios, gravações de eventos científicos na área de Filosofia, etc. É uma convicção partilhada pelos idealizadores do projeto o fato de que todas essas iniciativas irão contribuir de modo decisivo não apenas para a expansão com qualidade do ensino superior, mas também para universalização do conhecimento produzido nas instituições envolvidas.

Objetivo Geral

O objetivo geral do projeto FILOSOFIA ABERTA é estimular a pesquisa, o desenvolvimento e a aplicação das Tecnologias de Informação e Comunicação no Ensino de Filosofia EAD, buscando fomentar a inovação pedagógica e a gestão educacional. Neste sentido, vamos contar com o apoio de pesquisadores de diversas instituições nacionais e estrangeiras, ficando a cargo da Equipe A (formada pelos membros da Universidade Nacional de Educação a Distância/Espanha, da Universidade Complutense de Madrid/Espanha e da Universidade Federal de Santa Catarina/Brasil) o suporte tecnológico, pois tais universidades possuem uma ampla e reconhecida experiência no ensino a distância e na produção de cursos massivos e abertos; as demais universidades parceiras irão compor a Equipe B (composta pelos membros da Universidade Federal do Rio Grande do Sul/Brasil, da Universidade Eduardo Mondlane/Moçambique, da Universidade Técnica de Dresden/Alemanha e da Universidade da República/Uruguai) a qual irá contribuir de modo decisivo não apenas para a formação de recursos humanos, mas também para a pesquisa, construção e qualificação dos conteúdos (materiais didáticos, vídeos, livros, etc.) que serão disponibilizados para acesso livre e irrestrito. Ambas as equipes irão promover e intensificar a discussão sobre o uso dos MOOCs no ensino superior, cuja abrangência no Brasil ainda é relativamente pouco expressiva.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
KELIN VALEIRAO230/04/201505/03/2018
RAIZA ALVES PEREIRA130/04/201505/03/2018
RICARDO COSTA BRIÃO230/04/201505/03/2018
ROBINSON DOS SANTOS430/04/201505/03/2018

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 300.000,00

Página gerada em 19/10/2019 17:01:03 (consulta levou 0.078559s)