Nome do Projeto
DETERMINAÇÃO DE METODOLOGIA PARA AVALIAÇÃO DE VIGOR DE SEMENTES DE TREVO BRANCO (Trifolium repens L.)
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
09/04/2015 - 31/12/2017
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Agronomia
Resumo
A produção de bovinos no sul do país está extremamente associada com a produção de forragem no período de inverno, quando as pastagens naturais paralisam seu crescimento, havendo enorme carência de alimento para os animais. Dentre varias espécies de forrageiras, o trevo branco (Trifolium repens L.) possui grande importância principalmente pela resistência ao frio, alta capacidade nutricional. A qualidade fisiológica das sementes se torna essencial para que o crescimento da forragem seja rápido, com alta produção de forragem. O potencial fisiológico das sementes abrange um conjunto de aptidões, que nos permite estimar a capacidade de um lote de sementes manifestarem adequadamente suas funções vitais após a semeadura. Deste modo, as informações sobre a germinação e o vigor, obtidas em laboratório e canteiros, permitem a comparação entre lotes de sementes, possibilitando a avaliação de sua qualidade fisiológica, tornado possível visualizar a probabilidade de sucesso com sua utilização. Testes de vigor ainda necessitam ser padronizados, permitindo que sejam repetidos com confiabilidade, gerando dados sobre o vigor da semente, que representem o panorama que o agricultor encontrará no campo. Acredita-se que um teste de vigor em que as sementes sejam submetidas à emergência em profundidade diferente da usual possa ser uma alternativa interessante para avaliação do vigor de sementes de trevo branco. Além disso, se o substrato utilizado for um material abundante, antes tratado como resíduo industrial ou agrícola, a metodologia pode auxiliar a minimizar impactos ambientais, além da função principal de fornecer tecnologia para avaliação da qualidade de sementes.

Objetivo Geral

O projeto tem como objetivo desenvolver uma nova metodologia para teste rápido de vigor em sementes de trevo branco, baseando-se em diferentes profundidades de semeadura, comparando com diferentes substratos e confrontando o teste com outros já existentes para a cultura.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANDRÉIA DA SILVA ALMEIDA109/04/201531/12/2017
ANDRÉIA DA SILVA ALMEIDA109/04/201531/12/2017
ANNA DOS SANTOS SUÑE109/04/201531/12/2017
BRUNA BARRETO DOS REIS109/04/201531/12/2017
EWERTON GEWEHR109/04/201531/12/2017
GABRIEL BANDEIRA DUARTE1201/08/201531/07/2017
IRENI LEITZKE CARVALHO109/04/201531/12/2017
JUCILAYNE FERNANDES VIEIRA109/04/201531/12/2017
JUCILAYNE FERNANDES VIEIRA109/04/201531/12/2017
OTÁVIO DE OLIVEIRA CORRÊA109/04/201531/12/2017
PATRÍCIA MIGLIORINI109/04/201531/12/2017
TIAGO ZANATTA AUMONDE109/04/201531/12/2017
VANESSA NOGUEIRA SOARES109/04/201531/12/2017
VANESSA NOGUEIRA SOARES109/04/201531/12/2017

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 30.000,00

Página gerada em 06/04/2020 23:45:32 (consulta levou 0.074238s)