Nome do Projeto
Modelagem geofísica da porção sul da Bacia do Paraná (Brasil - Uruguai - Argentina)
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
17/08/2015 - 17/08/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geofísica
Resumo
Esse projeto de pesquisa tem o objetivo de realizar a modelagem de dados geofísicos de campo potencial da porção sul da Bacia do Paraná, incluindo as áreas do RS-SC (Brasil), Uruguai e Argentina. A Bacia do Paraná é uma depressão intracratônica preenchida por sequências sedimentares que se estendem do Paleozóico ao Mesozóico, e que estão cobertas por uma espessa unidade de rochas vulcânicas (Fm Serra Geral). Essas rochas vulcânicas fazem parte da Província de Derrames Basálticos Paraná-Etendeka (Wilson, 1989), alojados durante o período Cretáceo. Os dados geofísicos disponíveis compreendem basicamente dados de campo potencial (gravimetria e magnetometria). Os dados de gravimetria estão disponíveis para toda a Bacia do Paraná, incluindo as porções da Bacia do Paraná que se encontram no Uruguai e na Argentina. Os dados de magnetometria cobrem somente a parte mais a norte da área selecionada para esse projeto de pesquisa. O interesse principal da investigação proposta está no fato de que, nessa porção sul da Bacia do Paraná, há grande variação de espessura das suas unidades estratigráficas. Além disso, parte importante e significativa da bacia, na Argentina, está coberta por sedimentos terciários, que recobrem os derrames de basaltos da Fm. Serra Geral. Dessa forma, o objetivo principal desse projeto é investigar a variação espacial da espessura das suas unidades estratigráficas, principalmente da Fm. Serra Geral. A determinação da variação espacial da espessura das unidades estratigráficas (e, por consequência, da profundidade dos contatos) é uma importante informação para o entendimento dos fluxos atuais de fluidos em importantes formações rochosas da Bacia do Paraná (p.ex.: aquífero Guarani), ou na exploração de depósitos não-convencionais de hidrocarbonetos (p.ex.: Formação Irati).

Objetivo Geral

O objetivo de trabalho é processamento de dados geofísicos de campo potencial para fins de modelagem geofísica na porção sul da Bacia do Paraná (Brasil – Uruguai – Argentina), com enfoque principal na investigação da variação espacial de espessura das suas unidades estratigráficas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADELIR JOSE STRIEDER517/08/201517/08/2018
AURÉLIO ALVES CARVALHO417/08/201517/08/2018
BRUNO VERNOCHI DA CONCEIÇÃO417/08/201517/08/2018
FLAVIANE AGUSTINI STEDILLE417/08/201517/08/2018
JHORDANA VENCATO DIAS417/08/201517/08/2018
LETICIA SILVEIRA MARAFON417/08/201517/08/2018
LUCAS FIRMINO DUTRA JUNIOR417/08/201517/08/2018
MARIANE SULZBACHER417/08/201517/08/2018
MATEUS RIBEIRO VEIGA DE MOURA417/08/201517/08/2018
NATAN BATTISTI417/08/201517/08/2018
VIRGÍNIA GAZOLA417/08/201517/08/2018

Página gerada em 13/06/2021 03:13:06 (consulta levou 0.186618s)