Nome do Projeto
Investigação quanto às principais demandas ergonômicas manifestadas por frentistas na cidade de Pelotas
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/08/2015 - 31/07/2016
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Engenharias - Engenharia de Produção - Ergonomia
Resumo
A Ergonomia vem se mostrando em anos recentes uma crescente fonte de estudos e aplicações em diversos campos profissionais, seja por questões legais trabalhistas, seja por desejo em otimizar a eficiência de processos e operações. De fato, o campo de atuação da Ergonomia nas empresas é muito amplo podendo ser aplicado em casos desde o setor primário até o terceiro setor. Dentre os locais que podem possuir demandas de estudos no âmbito da Ergonomia encontram-se os postos de combustíveis, os quais costumam apresentar diferentes frentes de trabalho em espaços como a loja de conveniência, a lavagem de veículos, troca de óleos e principalmente, o abastecimento dos veículos. Adiciona-se a isso,extensos períodos de exposição física na atividade nos postos de combustíveis como mudanças climáticas, fortes aromas de produtos químicos, ingestão de leite – visando à desintoxicação – o uso de equipamentos de proteção individual, ações educativas e medidas preventivas são limitados ou inexistentes, além disso, há sensação de insegurança no trabalho e falta de oportunidade de crescimento e desenvolvimento pessoal, culminando na escolha de um trabalho temporário. Dessa forma, a atividade contém substância pouco atrativa à retenção de pessoal. É factível assumir que a exposição física é própria da natureza da atividade, não constituindo, portanto, fator de manipulação administrativa (SOUZA; MEDEIROS, 2007). Sendo assim, uma pesquisa que busque compreender em parte as demandas ergonômicas em postos de combustíveis de Pelotas poderia trazer oportunidades de aplicações de melhorias nestes locais.

Objetivo Geral

O presente projeto tem como objetivo principal investigar qual a freqüência observada para manifestações dos frentistas em termos de demandas ergonômicas em postos de combustíveis na cidade de Pelotas/RS. Com vistas a alcançar este objetivo principal, deve-se cumprir alguns objetivos específicos, sendo eles: a. Investigar quais as características do espaço amostral relacionado ao trabalho nos postos de combustíveis na cidade de Pelotas; b. Investigar quais as freqüências das principais variáveis ergonômicas e qual o nível de correlação entre elas, considerando as manifestações de frentistas em termos de demandas ergonômicas presentes na rotina de trabalho em postos de combustíveis na cidade de Pelotas/RS; c. Propor e discutir sobre quais os desafios e possibilidades para intervenção nos postos de combustíveis na cidade de Pelotas relativamente às principais freqüências identificadas no projeto.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CORINTHA DA TRINDADE DIAS NETA1201/08/201531/07/2016
GABRIELA YOHANA SMANIOTTO1215/12/201531/07/2016
MICAEL MARTINS1201/08/201530/01/2016

Página gerada em 08/04/2020 02:43:11 (consulta levou 0.978833s)