Nome do Projeto
Gestão do conhecimento em organizações rurais: estrutura, desafios e resultados
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/07/2017 - 30/06/2019
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas - Administração - Administração de Empresas
Resumo
A gestão do conhecimento tem se tornado uma das áreas mais estudadas e trabalhadas nos últimos anos, tanto por parte de acadêmicos como por parte dos gestores empresariais (NONAKA e TAKEUCHI, 2008; BINOTTO, NAKAYAMA e SIQUEIRA, 2013).Constata-se, no entanto, um foco de publicações e pesquisas, aplicados, sobretudo, a grandes empresas industriais (GIULIANI e BELLA, 2005); em empresas familiares GURIERRI (2008) ou clusters inovativos e redes de empresas BALESTRIN, A.; VARGAS, L. M.; FAYARD (2008). Contudo, observa-se, uma carência de pesquisas e estudos que abordem a gestão do conhecimento, sua aplicação, limitações e resultados, no setor rural como um todo, mais especificamente em culturas de larga escala como soja, milho e trigo. As exceções, mais recentemente, tem sido os trabalhos Gonçalves, Lima e Costa (2009), com um estudo sobre a adoção de práticas de gestão do conhecimento em organizações cooperativas; de Gazolla e Schneider (2015), trabalhando o tema em agroindústrias familiares; e Scoponi e Dias (2016) sobre cooperação acadêmica e geração de inovação no agronegócio. As pesquisas parecem ser bastante fragmentadas, não apontando para um direcionamento comum. Pouco se estuda, por exemplo, a capacidade de absorção de conhecimento no agronegócio e sua transformação em melhoria de desempenho ou inovação ou mesmo questões como a sucessão familiar no setor rural e a transferência de conhecimento inter-geracional, tema emergente e que tenta compreender um problema bastante sério, que é a falta de jovens sucessores nas propriedades rurais. Sendo assim, o objetivo geral desta pesquisa é analisar a gestão do conhecimento em propriedades rurais, em especial aquelas localizadas na metade sul do RS. Buscar-se-à a compreensão de como (e se) o conhecimento no setor rural está estruturado e formalizado; quais as possíveis barreiras e desafios para melhorar seu gerenciamento; quais resultados e inovações tem surgido de sua gestão e como a sucessão familiar tem influenciado a transferência de conhecimento entre as gerações de produtores rurais. Mais do que propor medidas e soluções, pretende-se fazer um diagnóstico das práticas de gestão do conhecimento em propriedades rurais. Se tais práticas são tão importantes e estudadas na zona urbana, em pequenas, médias e grandes empresas de diferentes segmentos econômicos, o mesmo pode ser afirmado do setor rural? É sobre isso que trata o presente estudo.

Objetivo Geral

Objetivo geral:
Analisar a gestão do conhecimento em propriedades rurais, em especial aquelas localizadas na metade sul do RS. Irá buscar-se a compreensão de:


Objetivos específicos:
• Como (e se) o conhecimento no setor rural está estruturado e formalizado
• Quais as possíveis barreiras e desafios para melhorar sua gestão;
• Quais resultados e inovações tem surgido de sua gestão
• Como a sucessão familiar tem influenciado a transferência de conhecimento entre as gerações de produtores rurais.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CANDIDA BELARMINO BUSATTO401/03/201629/12/2017
MARCELO FERNANDES PACHECO DIAS101/03/201629/12/2017
ROBERTA MACHADO GORGOT401/02/201930/06/2019
VINICIUS LACERDA PINTO401/07/201729/06/2018

Página gerada em 21/07/2019 14:12:42 (consulta levou 0.074278s)