Nome do Projeto
A cidade cemiterial: Cemitério da Santa Casa de Misericórdia de Pelotas (1855 – 1976)
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
15/04/2016 - 15/08/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo
Resumo
A pesquisa tem como recorte físico espacial o cemitério da Santa Casa de Misericórdia de Pelotas e como recorte temporal, 1855, da instalação e 1976, início da construção de catacumbas para as irmãs franciscanas. A metodologia empregada é a de elaboração de inventários aliada ao método histórico comparativo com o uso de fontes impressas, manuscritas, orais e iconográficas e do apoio de bibliografia adequada.

Objetivo Geral

O objetivo principal deste trabalho é produzir conhecimento histórico sobre a instalação e o desenvolvimento da cidade cemiterial no século XIX, após o surto de cólera e as políticas higienistas da época, tomando como objeto de estudo a cidade de Pelotas/RS e o Cemitério da Santa Casa de Misericórdia de Pelotas.

Os objetivos específicos são:
1. Identificar os limites físico-espaciais da cidade cemiterial, desde seu surgimento até o final do período estudado;
2. Averiguar como se deu a expansão e a ocupação do espaço através das sepulturas;
3. Identificar as linguagens arquitetônicos mais recorrentes no local e compará-las com os da cidade tradicional;
4. Realizar um inventário dos exemplares arquitetônicos cemiteriais representativos do status e do poder da época, os mausoléus.
5. Identificar e comparar as estruturas urbanas das cidades dos vivos e dos mortos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANDERSON PIRES AIRES4015/04/201615/08/2018

Página gerada em 22/09/2020 13:37:16 (consulta levou 0.079417s)