Nome do Projeto
Efeitos a curto e longo prazo da atividade física sobre a saúde do sono em uma coorte de nascimentos
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
26/09/2016 - 28/02/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Saúde Coletiva
Resumo
É possível que o efeito da AF durante o dia na noite de sono, seguinte na população geral, seja diferente daquele testado com outras amostras. Estudos deste tipo ainda não foram suficientemente explorados, devido à dificuldade de obtenção de medidas de AF e sono durante 24 horas em um grande grupo de pessoas. Pesonen et.al. (2011) realizaram um estudo observando 24 horas da AF e sono de crianças de 8 anos, tendo encontrado um efeito negativo da AF (113). Irish et.al. (2014) realizaram procedimento semelhante com mulheres de meia idade (Média: 52,2 ±2,1 d.p.) e não encontraram efeito da AF na noite de sono subsequente (32). Dessa forma, é importante compreender o efeito agudo da AF em uma amostra de adultos jovens. Estudos experimentais têm mostrado efeito positivo da AF no sono (26) e, com base nestes trabalhos, é possível supor que o acúmulo de AF ao longo da vida exerça algum efeito na saúde do sono durante a vida adulta. Pouco se sabe sobre esta questão de pesquisa visto que, entre os estudos de coorte realizados sobre a temática, poucos investigam o acúmulo de AF. Um estudo com idosos, com duas medidas de AF no tempo, mostrou que indivíduos que permaneceram ativos nas duas ocasiões apresentaram menor odds de insônia (29), o que reforça esta hipótese. Mesmo frente a este cenário, ainda existe uma série de lacunas na literatura sobre a associação da AF com a saúde do sono, entre elas a escassez de estudos em países de 43 renda baixa e média, com delineamento longitudinal, com bons instrumentos tanto para exposição quanto desfecho e que observem o efeito em curto e longo prazo da AF em populações livres de doença. Verificar os efeitos agudos e crônicos da AF na saúde do sono em uma amostra representativa da população geral de adultos jovens no Brasil pode preencher algumas das lacunas da literatura, apontadas previamente. Além disso, a utilização de diferentes aspectos do sono como desfecho pode fornecer uma resposta mais completa sobre a questão de pesquisa.

Objetivo Geral

Geral
- Verificar os efeitos agudos e crônicos da AF sobre saúde do sono.
Específicos
- Verificar o efeito agudo da AF durante o dia na saúde do sono da noite seguinte aos 22 anos de idade;
- Verificar o efeito do acúmulo de AF aos 11, 15, 18 e 22 anos na saúde do sono na vida adulta.
- Estimar a prevalência de qualidade ruim do sono em adultos jovens;
- Estimar a prevalência de duração adequada do sono em jovens adultos;
- Estimar a prevalência de sonolência diurna em jovens adultos;

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANDREA WENDT BÖHM426/09/201628/02/2018

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 23.626,00
CNPqR$ 28.515,00
FAPERGS (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul)R$ 50.537,00
Ministério da SaudeR$ 66.750,00

Página gerada em 27/01/2021 04:19:56 (consulta levou 0.075724s)