Nome do Projeto
Tabagismo materno durante a gestação: Efeitos sobre o estado nutricional e composição corporal dos descendentes na vida adulta e no peso ao nascer da terceira geração
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
06/09/2016 - 28/02/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Saúde Coletiva
Resumo
O tabagismo materno durante a gestação tem consequências negativas para a saúde materno-infantil e, apesar de sua prevalência ter reduzido nas últimas décadas, ainda observa-se que uma parcela significativas de mulheres que fumam durante a gravidez. Os efeitos a curto prazo do tabagismo materno na gestação, tais como baixo peso ao nascer e restrição de crescimento intra-uterino já estão bem estabelecidos. Contudo, o efeito da exposição ao tabaco na gestação e desfechos a longo prazo e intergeracionais tem sido pouco estudados. Nesse contexto, o presente projeto tem como objetivo avaliar os efeitos da exposição ao tabagismo materno na gestação na vida adulta e na próxima geração das Coortes de Nascimentos de 1982 e 1993, Pelotas – RS, Brasil. Conforme os artigos propostos, pretende-se avaliar o efeito do tabagismo materno na gravidez sobre o estado nutricional e medidas de adiposidade (tais como: IMC, perímetro da cintura, percentual de gordura corporal, relação gordura androide/ginoide, entre outras) na vida adulta; bem como o efeito do tabagismo materno durante a gestação sobre o peso ao nascer da terceira geração. As análises dos dados serão conduzidas levando-se em conta potenciais fatores de confusão, bem como possíveis mediadores das associações. Além disso, será conduzida uma revisão sistemática e meta-análise dos estudos sobre o tabagismo materno durante a gestação e excesso de peso / medidas de adiposidade na adolescência e vida adulta. Os estudos propostos fornecerão evidências mais robustas sobre os efeitos a longo prazo do tabagismo materno durante a gestação, fornecendo novas evidências essenciais para serem usados em campanhas de redução do tabagismo.

Objetivo Geral

Objetivo geral

Avaliar o efeito da exposição ao tabagismo materno na gestação sobre o estado nutricional e composição corporal dos descendentes na vida adulta e o peso ao nascer na terceira geração nas coortes de nascimentos de 1982 e 1993, Pelotas – RS, Brasil.


Objetivos específicos

 Avaliar o efeito do tabagismo materno na gravidez sobre o estado nutricional e medidas de adiposidade dos descendentes na vida adulta;
 Investigar os fatores mediadores da associação entre tabagismo materno na gestação e excesso de peso / medidas de adiposidade dos descendentes na vida adulta;
 Realizar uma revisão sistemática e meta-análise dos estudos relatando a associação entre fumo materno na gravidez e excesso de peso / medidas de adiposidade na adolescência e na vida adulta;
 Avaliar o efeito do tabagismo materno durante a gestação sobre o peso ao nascer da terceira geração;
 Investigar o efeito cumulativo do fumo materno na gestação sobre o peso ao nascer da terceira geração e os possíveis fatores mediadores dessa associação.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ELMA IZZE DA SILVA MAGALHÃES1006/09/201628/02/2018

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
FAPERGS (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul)R$ 157.427,50
MSR$ 66.750,00
CNPqR$ 44.951,00
CNPqR$ 28.515,00
CAPESR$ 23.626,00

Página gerada em 20/01/2021 17:52:46 (consulta levou 0.195982s)