Nome do Projeto
Memória intergeracional e Violência de gênero
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
08/05/2017 - 08/05/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Social
Resumo
O projeto tem como objetivo geral analisar a implicação da memória intergeracional dos papéis de gênero com a produção e manutenção da violência contra a mulher, a partir de narrativas de mulheres em situação de violência vinculadas aos serviços socioassistenciais e/ou de saúde da cidade de Pelotas/RS. Em termos metodológicos, primeiramente aplicaremos um questionário buscando mapear a região frente à violência de gênero. Queremos, com isso, identificar elementos e caracterizar a problemática dentro de um contexto específico, pois consideramos que os fenômenos sociais adquirem nuances distintas conforme o lugar onde é gestado. Em um segundo momento, realizaremos entrevistas em profundidade com mulheres residentes em Pelotas/RS e que vivem ou viveram situações de violência, seja em sua família ou em seus relacionamentos. Interessa-nos aqui apreender a vivência, bem como identificar os elementos intergeracionais que sustentam a manifestação, a origem e o próprio ciclo da violência. De posse de tais informações, nos direcionaremos a análise e interpretação dos dados, para, então, auxiliar na estruturação um plano de ação, caracterizado como um possível projeto de extensão universitária, com agentes locais visando à diminuição de tal problemática na região.

Objetivo Geral

Objetivo geral:
- Analisar a implicação da memória intergeracional dos papéis de gênero com a produção e manutenção da violência contra a mulher, a partir de narrativas de mulheres em situação de violência vinculadas aos serviços socioassistenciais e/ou de saúde no município de Pelotas/RS.

Objetivos específicos:
Objetivo 01: Mapear a frequência, os tipos de violência de gênero e as características pluricausais de tal problemática a partir do dia a dia de mulheres que residem no município de Pelotas/RS.
Meta 01: Aplicação de questionários que indicam questões culturais e específicas sobre a violência sofrida nos relacionamentos.

Objetivo 02: Identificar, nas narrativas das mulheres que habitam as comunidades/bairros investigadas, os sentidos e significados atribuídos à origem e a perpetuação da violência contra a mulher.
Meta 02: Registro e análise narrativas de mulheres em situação de violência buscando compreender os sentidos e significados atribuídos a vivência das situações.

Objetivo 03: Analisar como a cultura patriarcal modela representações acerca do comportamento feminino entre as mulheres pesquisadas
Meta 03: Identificação, a partir dos dados quanti e qualitativos da pesquisa, da influência da cultura patriarcal na formação das representações acerca do comportamento feminino.

Objetivo 04: Compreender como a memória intergeracional dos papéis de gênero impacta nas relações afetivo-sexuais das mulheres pesquisadas.
Meta 04: Identificação, a partir da realização e análise de entrevistas, da influência da memória intergeracional dos papéis de gênero nas relações afetivo-sexuais de mulheres em situação de violência.

Objetivo 05: Promover, em parceria com os serviços socioassistencial e de saúde, ações reflexivas e educativas na comunidade a partir dos dados obtidos na investigação.
Meta 05: Realização de, no mínimo, quatro encontros (reuniões/oficinas) com a rede de serviços sociassistencial e de saúde para a devolução dos dados da pesquisa e planejamento de ações de combate à violência contra a mulher na região.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
MAICON MADRUGA DA ROSA1201/08/201831/07/2019
MAICON MADRUGA DA ROSA1201/06/201731/05/2018
MARCIELA DA SILVA MATTOS1201/06/201708/05/2020

Página gerada em 20/11/2019 23:04:42 (consulta levou 0.115832s)