Nome do Projeto
EFEITOS DO TRATAMENTO IN VITRO COM AYAHUASCA E BETA-CARBOLINAS EM CÉLULAS TUMORAIS C6 DE GLIOMA DE RATO.
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/08/2017 - 31/05/2021
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Biológicas - Bioquímica
Resumo
Desde os primórdios da civilização, o homem já tinha o conhecimento de algumas propriedades terapêuticas das plantas para o tratamento dos mais diversos tipos de enfermidades, embora desconhecessem os verdadeiros responsáveis pelas ações terapêuticas. A ayahuasca (AYA) é uma bebida proveniente da cocção do cipó Banisteriopsis caapi e das folhas do arbusto Psycotria viridis encontrados na floresta Amazônica. Este cipó possui em sua composição alcalóides β-carbolinas inibidores da enzima Monoamina Oxidase (MAO). Na atualidade, já existem diversos relatos (artigos científicos, livros, revistas institucionais, conferências e textos online em fontes não profissionais) em relação ao conhecimento biomédico sobre AYA em geral, com enfoque específico nas relações entre a bebida e o tratamento do câncer. Nestes relatos, existem evidências de pessoas com câncer que declaram ter encontrado algum benefício ou cura após utilizarem a bebida como tratamento alternativo. São relatos de pessoas que tem ou tiveram câncer de mama, estômago, útero, próstata, cólon, ovário e cérebro. O câncer é, mundialmente, uma das principais causas de morte no mundo. Para o ano 2030, pesquisas indicam a ocorrência de 26 milhões de novos casos e 17 milhões de mortes por câncer. No Brasil, doenças cardiovasculares e tumores malignos são as principais causas de morte por doença e, para o biênio 2016-2017, a estimativa de incidência é de cerca de 600 mil casos novos de câncer. Entre o cânceres que acometem crianças, os tumores cerebrais são as principais causas de morte, representando cerca de 21-26% dos casos, detacando o glioblastoma multiforme (GBM) é uma forma mais comum de tumor cerebral e também um dos mais malignos e resistente às estratégias terapêuticas hoje utilizadas. Portanto, a pesquisa de novos fármacos que impeçam ou desestimulem a atividade tumoral é alvo de inúmeros estudos. Uma vez que existem relatos de que a AYA pode curar ou trazer a remissão de alguns casos de tumores e que os tratamentos existentes atualmente são muitas vezes paliativos, o objetivo deste trabalho será realizar uma avaliação preliminar dos efeitos do tratamento com AYA e com beta-carbolinas em cultivo de células tumorais C6 de glioma de ratos.

Objetivo Geral

Objetivo Geral
• Analisar o efeito in vitro do Ayahuasca (AYA) e das β-carbolinas sobre células C6 de gliomas de ratos.

Objetivos Específicos:
• Padronizar o cultivo das linhagens de gliomas C6.
• Avaliar o efeito de diferentes concentrações da AYA e β-carbolinas sobre a viabilidade dos gliomas, utilizando o teste de MTT.
• Avaliar o efeito de diferentes concentrações da AYA e β-carbolinas sobre a proliferação dos gliomas, utilizando o ensaio da Sulfarodamina
• Determinar as vias celulares envolvidas no possível efeito antiproliferativo da AYA e β-carbolinas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
AURY DE OLIVEIRA FILHO1201/08/201731/07/2018
FATIMA TEREZA ALVES BEIRA120/03/201831/05/2021
FERNANDA GELATI SEKINE2001/06/201731/05/2021
FERNANDA GELATI SEKINE1201/08/201731/07/2018
FRANCIELI MORO STEFANELLO101/06/201731/05/2021
JANAINA XAVIER DA SILVEIRA1001/06/201731/05/2021
NATHALIA STARK PEDRA501/06/201731/05/2021
PRISCILA TREPTOW RAMOS501/06/201731/05/2021
ROSELIA MARIA SPANEVELLO101/06/201731/05/2021

Página gerada em 14/10/2019 20:11:58 (consulta levou 0.079897s)