Nome do Projeto
AVALIAÇÃO DAS ALTERAÇÕES GLOMÉRULO-TUBULARES EM CÃES COM NEOPLASIAS
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
29/05/2017 - 29/08/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Patologia Animal
Resumo
Assim como os seres humanos os cães com neoplasia podem desenvolver insuficiência renal, glomerulopatias paraneoplásicas e síndrome nefrótica. A glomerulopatia é um distúrbio morfológico e funcional, que lesa o glomérulo de forma primária ou secundária, pode ser diagnosticada em portadores de neoplasia, como uma síndrome paraneoplásicas ou pode ser uma manifestação prévia ao aparecimento tumoral. A fisiopatologia dos tumores sólidos e sua relação com a ocorrência de glomerulopatias ainda não está bem compreendida, dificultando o entendimento da influência das doenças neoplásicas na fisiopatogenia das lesões glomerulares e túbulo-intersticiais (CAMBIER; RONCO, 2012; TAKEDA et al. 2013; CRIVELLENTI et al. 2016). Existem poucos relatos sobre glomerulopatias caninas e sua associação com doenças neoplásicas é frequente. Já na literatura médica a associação entre neoplasias e glomerulopatias é bastante referida e em muitos relatos tem evidenciado que a proteinúria tem sido reportada em neoplasias de pulmão, cólon, rins e mama, ocasionando lesões glomerulares como glomerulonefrite membranosa, glomerulopatias de lesões mínimas, amiloidose, glomerulopatias por IgA, glomerulopatias segmentar focal e membranoproliferativa (JORGENSEN et al. 2008; FILGUEIRA et al. 2010; CRIVELLENTI et al. 2016). A Glomerulonefrite membranosa, principal glomerulopatias encontrada em pacientes com neoplasia que pode ser explicada pela deposição glomerular de imunocomplexos, apesar de ser ainda desconhecida, foi descrita como associada as neoplasias malignas principalmente aos carcinomas de pulmão e aos tumores do trato gastrointestinal em humanos (RIHOVA et al. 2000). O objetivo desse estudo é avaliar as alterações glomérulo-tubulares em cães com diferentes diagnósticos de neoplasia classificando as diferentes glomerulopatias.

Objetivo Geral

Objetivos gerais: Avaliar e classificar as alterações/lesões anatomopatológicas glomerulo-tubulares renais em pacientes com diagnóstico de neoplasia.

Objetivos específicos: Determinar a relação entre as lesões renais e os diferentes tipos de neoplasia em cães, levando em consideração 1) sexo, raça e idade, tipo tumoral 2) os achados anatomopatológicos,

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALINE XAVIER FIALHO GALIZA129/05/201729/08/2018
BRUNA DANIELA DOS SANTOS VALLE129/05/201729/08/2018
CARINE DAHL CORCINI129/05/201729/08/2018
CAROLINA DA FONSECA SAPIN129/05/201729/08/2018
CRISTINA GEVEHR FERNANDES129/05/201729/08/2018
EVELYN ANE OLIVEIRA129/05/201729/08/2018
GUSTAVO FELIPE GOIS PADILHA HUGEN129/05/201729/08/2018
LUÍSA GRECCO CORRÊA129/05/201729/08/2018
LUÍSA MARIANO CERQUEIRA DA SILVA129/05/201729/08/2018
MARCIA DE OLIVEIRA NOBRE129/05/201729/08/2018
MICHELE BERSELLI129/05/201729/08/2018
THOMAS NORMANTON GUIM129/05/201729/08/2018

Página gerada em 08/08/2022 23:18:25 (consulta levou 0.061837s)