Nome do Projeto
Aspectos psicológicos na gestação de alto risco
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
15/05/2018 - 31/12/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Humanas - Psicologia
Resumo
O objetivo desta pesquisa é traçar o perfil geral das pacientes que internam no setor obstétrico do Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (HE/UFPel). O HE/UFPel é uma instituição de referência no atendimento a gestações de alto risco. As gestantes de alto risco são aquelas que sofrem com o agravamento de uma doença pregressa à gestação ou com o desenvolvimento de alguma doença durante este período e, em virtude disso, passam a apresentar maiores probabilidades de evolução desfavorável para o feto e para a mãe. Conhecer as pacientes atendidas pela instituição de saúde é uma importante ferramenta na busca por dados consistentes, que embasem um melhor planejamento do processo de assistência à saúde. Analisar o perfil das pacientes atendidas pode, ainda, facilitar a projeção de ações para o setor e a criação de instrumentos de avaliação de indicadores não só para a atenção psicológica, mas para todos os profissionais que compõem a equipe multidisciplinar. Dessa forma, está é uma pesquisa documental, retrospectiva e do tipo descritiva, de caráter quali-quantitativo. Serão incluídos no estudo os dados de todas as pacientes (aproximadamente 200) que enfrentaram uma gestação de alto risco e que passaram pelo processo de triagem psicológica durante a internação no setor de obstetrícia do HE-UFPel, no período de maio a dezembro 2017. Será utilizada a ficha de triagem psicológica hospitalar adotada pelo setor de Psicologia Clínica da instituição e uma ficha de dados complementares, referente aos aspectos psicológicos da gestação.

Objetivo Geral

Objetivo Geral:
Traçar o perfil geral das pacientes que internam no setor obstétrico do Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas.

Objetivos Específicos:
a) Identificar as características sociodemográficas das pacientes atendidas pela instituição;
b) Verificar os dados referentes a tratamentos psicológicos e/ou psiquiátricos, atuais e/ou prévios, realizados pelas pacientes, incluindo a utilização de medicação psiquiátrica;
c) Investigar a prevalência de uso de drogas lícitas (álcool e tabaco) e ilícitas entre as pacientes;
d) Avaliar, a partir dos dados obtidos no exame do estado mental, a prevalência de sentimentos negativos como culpa, luto, insegurança/medo, e desânimo;
e) Descrever os dados sobre o histórico reprodutivo anterior e atual da paciente;
f) Analisar qualitativamente, a partir da descrição feita pelo profissional de psicologia, os aspectos relacionados ao vínculo mãe-bebê no contexto da gestação de alto risco.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
JANINE PESTANA CARVALHO1015/05/201831/12/2018

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
Recursos própriosR$ 150,00

Página gerada em 28/06/2022 16:21:26 (consulta levou 0.042900s)