Nome do Projeto
Suporte social e sobrecarga em cuidadores de pacientes oncológicos
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
15/05/2018 - 31/12/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Humanas - Psicologia
Resumo
Uma das figuras mais recorrentes e importantes na rotina hospitalar, o(a) cuidador(a) muitas vezes abdica de suas vidas para estar ao lado do paciente, destinando grandes períodos de tempo a esse cuidado. No caso específico de pacientes oncológicos, os(as) cuidadores(as) experienciam os mesmos medos e temores vivenciados por aqueles(as) que acompanham. Além disso, essas pessoas frequentemente relegam seus afazeres a um segundo plano, abandonam suas rotinas de trabalho e abrem mão de suas vidas para dar a devida assistência aos pacientes, o que pode ser muito ansiogênico. No entanto, muitas vezes são negligenciados(as), dormem em cadeiras nada confortáveis e não recebem atenção. Com base nisso, o objetivo desta pesquisa é investigar se existe relação entre o suporte social e a sobrecarga de cuidadores de pacientes oncológicos internados no Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas. A sobrecarga do cuidador está atrelada à fadiga física e mental, à ansiedade, à depressão, à diminuição na qualidade de vida, ao estresse e à falta de um suporte social (Delalibera, Presa, Barbosa & Leal, 2015; Santos, et al., 2011). Já o suporte social está relacionado com o indivíduo sentir-se amado, cuidado, estimado e pertencente a uma rede, na qual a divisão de papeis e obrigações é comum a todos os envolvidos. Esta é uma pesquisa de delineamento transversal, de caráter quali-quantitativo. Participarão da pesquisa 5 cuidadores de pacientes oncológicos internados no Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas. Será aplicada uma entrevista semi-estruturada que abordará dados biosociodemográficos e aspectos relativos a suporte social, sobrecarga e bem-estar. A entrevista ocorrerá em um único encontro, sem a presença do paciente, e deverá durar aproximadamente uma hora. Para a análise quantitativa dos dados serão realizadas análises estatísticas descritivas. As questões que envolvam respostas abertas serão analisados qualitativamente através da análise de conteúdo.

Objetivo Geral

Objetivo Geral:
Investigar se existe relação entre o suporte social e a sobrecarga de cuidadores de pacientes oncológicos internados no Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas.

Objetivos Específicos:
a) Caracterizar o perfil biosociodemográfico dos cuidadores de pacientes oncológicos do HE-UFPEL;
b) Caracterizar o perfil biosociodemográfico dos pacientes oncológicos que são atendidos na instituição;
c) Identificar se os cuidadores se sentem sobrecarregados;
d) Averiguar se os cuidadores possuem suporte social e como o avaliam.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
NATÁLIA SILVEIRA NALÉRIO1015/05/201831/12/2018

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
Recursos própriosR$ 150,00

Página gerada em 28/06/2022 14:43:27 (consulta levou 0.047015s)