Nome do Projeto
Aproveitamento de resíduos agrícolas para produção de painéis de partículas orientadas (OSB) com madeira de Pinus elliottii e adição de nanofibrilas de celulose
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
18/06/2018 - 18/06/2021
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Recursos Florestais e Engenharia Florestal - Tecnologia de Chapas
Resumo
O projeto de pesquisa propõe a utilização de materiais considerados resíduos para agregar a produção de um tipo de compósito que vem ganhando espaço no mercado consumidor atual o painel Oriented Strand Board - OSB. A finalidade do projeto será produzir um painel de madeira do tipo OSB, que atenda as propriedades desejadas para funções estruturais. Nesse contexto o presente estudo pretende avaliar o potencial tecnológico do uso de resíduos agrícolas e madeira de pinus em diferentes composições para produção de painéis de partículas tipo OSB e incorporação de nanofibrilas de celulose como reforço do compósito.

Objetivo Geral

O projeto tem como objetivo geral produzir painéis de partículas orientadas (OSB) com resíduos agrícolas, madeira de pinus (Pinus elliottii) e incorporação da nanofibrilas de celulose com finalidade de uso estrutural em ambientes intermediários e externos.
Como objetivos específicos:


- Determinar e avaliar as propriedades químicas da madeira de pinus (Pinus elliottii) e dos resíduos agrícolas (casca e palha de arroz - Oriza sp e palha de milho - Zea mays L.);

- Produzir em escala piloto painéis OSB constituídos com resina fenol-formaldeído, diferentes proporções entre as camadas de madeira de pinus e resíduos agrícolas no sentido de orientação face-miolo-face e incorporação de três proporções de nanofibrilas de celulose (1%, 2% e 3%);

- Determinar e avaliar as propriedades físicas e mecânicas das chapas de acordo com especificações da norma europeia;

- Avaliar o efeito do tipo de matéria-prima, proporção de composição das camadas e dos diferentes percentuais da nanofibrilas de celulose nas propriedades dos compósitos;

- Determinar e avaliar o efeito da incorporação da nanofibrilas de celulose na emissão de formaldeído das chapas por meio do método do dessecador, de acordo com especificações da norma americana;

- Determinar e avaliar os compósitos por meio da técnica de Difração de Raio X, Análise termogravimétrica - TGA, microscopia eletrônica de varredura - MEV e rugosidade da superfície.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ARTHUR GARCIA LUCAS818/06/201818/06/2021
CINTIA BOLDT SOUZA218/06/201818/06/2021
GABRIEL VALIM CARDOSO218/06/201818/06/2021
MERIELEN DE CARVALHO LOPES218/06/201818/06/2021
PEDRO HENRIQUE DE MORAES KOLTON218/06/201818/06/2021

Página gerada em 14/11/2019 19:38:35 (consulta levou 0.082000s)