Nome do Projeto
Avaliação das alterações histopatológicas em tecidos de Danio rerio após exposição a diferentes anestesicos.
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/12/2018 - 01/12/2022
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Medicina Veterinária
Resumo
A manutenção e preocupação com o bem estar dos peixes, em estabelecimentos de aquicultura, centros de investigação ou centros de animais, requerem algumas práticas regulares de manuseio. Entre estas atividades estão incluídas a retiradas de amostragens biológicas, pesagem, medição, transporte e eutanásia. Tais procedimentos podem causar grandes períodos de stress, tendo um impacto negativo no crescimento e na saúde dos peixes, podendo interferir nos resultados experimentais. Para amenizar o estresse causado durante o manejo, vem crescendo o interesse pelos anestésicos principalmente pelos centros de pesquisa e pela aquicultura, pois os anestésicos facilitam o trabalho mantendo-os imóveis por loPara o primeiro experimento (agudo) machos adultos de Danio rerio serão imersos em recipiente com 1 litro de água com as dosagens de anestésicos estabelecidas. Primeiramente os animais serão imersos por 3 a 6 minutos ou a até sua sedação, nos diferentes anestésicos. O experimento será compostos por 5 anestésicos (Tricaína MS 222, Propofol, Eugenol, Isoflurano e o Sevoflurano), sendo que cada um com 3 concentrações, sendo um tratamento controle (secção espinhal). As concentrações estabelecidas para o experimento são de 50 mg/L, 100 mg/L e 200 mg/L do anestésico Tricaína MS 222 ; 150 mg/L, 250 mg/L e 350 mg/L do anestésico Propofol; 15 mg/L, 30 mg/L e 60 mg/L do anestésico Eugenol; 0,5 ml/L, 1 ml/L e 3 ml/L do anestésico Isoflurano e 1 ml/L, 2 ml/L e 6 ml/L do anestésico sevoflurano. Para cada tratamento será utilizado 10 peixes, totalizando o número de 230 animais. Após cada tratamento será a retirada os órgãos das cavidades e colocados em formol a 10% para posterior análise histopatológica e visualização na microscopia de luz. Para o segundo experimento (crônico) machos adultos de Danio rerio serão aclimatados por 15 dias em caixas plásticas. Após período de aclimatação os animais serão imersos somente por 6 horas ao dia, todos os dias durante 30 dias, nas concentrações de 5, 50 e 100 ppm dos anestésicos Isoflurano e o Sevoflurano, posteriormente retornam ao tanque com agua normal. Para cada tratamento será utilizado 10 peixes, totalizando o número de 230 animais. Após o término do tratamento, será coletado fígado, branquias e SNC de todos os animais e colocados em formol a 10%. Posteriormente esse material será processado conforme a rotina do laboratório de histoquimica e avaliados na microscopia de luz para verificar as lesões dos diferentes grupos.

Objetivo Geral

Verificar alterações histopatológicas em tecidos de Danio rerio após a exposição aguda e crônica a diferentes substancias anestésicas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANDREIA NOBRE ANCIUTI401/12/201801/12/2022
CARINE DAHL CORCINI101/12/201801/12/2022
IZANI BONEL ACOSTA501/12/201801/12/2022
MARTIELO IVAN GEHRCKE101/12/201801/12/2022
RAFAEL MIELKE BARBOSA201/12/201801/12/2022
STELA MARI MENEGHELLO GHELLER401/12/201801/12/2022

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 5.000,00

Página gerada em 04/12/2020 08:26:43 (consulta levou 0.086036s)