Nome do Projeto
EFEITO DO 3-((4-METOXIFENIL)SELENIL)-2-FENILIMIDAZO[1,2-A)PIRIDINA EM REVERTER O ESTABELECIMENTO DO COMPORTAMENTO TIPO DEPRESSIVO E ANSIOGÊNICO INDUZIDO PELA ADMINISTRAÇÃO DE FATOR DE NECROSE TUMORAL ALFA
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
14/11/2018 - 15/11/2021
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Biológicas - Farmacologia
Resumo
Por ser uma das desordens psiquiátricas mais difundida, incapacitante e negligenciada, com um tratamento pouco eficiente, a ansiedade e depressão maior se tornaram grandes focos de pesquisa em todo o mundo. Por serem transtornos heterogêneos e multifatoriais a patofisiologia dessas doenças permanecem pouco compreendidas, apesar disso alguns modelos são validados para auxiliar na compreensão da patogênese da ansiedade. Dentre esses modelos vale destacar a administração de TNF-a, que causa alterações neuroquímicas e neuropsiquiátricas que estão associadas com a depressão e transtorno de ansiedade. Esse modelo induz o comportamento tipo depressivo e tipo ansiogênico por aumentar a produção de citocinas pró-inflamatórias, levando assim a manifestações das alterações neuroquímicas e comportamentais em animais similares aquelas encontradas em pacientes depressivos e ansiosos. A existência desses modelos são uteis para a compreensão da patogênese da doença juntamente com a busca de novos medicamentos mais eficientes para o tratamento dessa desordem. Complementarmente, compostos orgânicos de selênio vem se destacando no ramo biológico por apresentarem diversas atividades farmacológicas, sendo que já há relatos de que um composto orgânico de selênio - Ebselen - apresentou relativo sucesso em experimentos humanos para o tratamento de patologias cerebrais. Considerando–se que a depressão está associada com a neuroinflamação e estabelecimento e progressão da ansiedade, a qual está associada com o estresse oxidativo, essas moléculas tornam-se um interessante alvo de estudo para o tratamento de depressão. Assim, o presente projeto tem como objetivo investigar se 3-((4-metoxifenil)selenil)-2-fenilimidazo[1,2-a)piridina é capaz de promover a reversão do comportamento tipo depressivo e ansiogênico em um modelo animal de depressão e ansiedade induzido pela administração de TNF-a pela via intracerebroventricular.

Objetivo Geral

Os objetivos do presente estudo são:
Avaliar o efeito do 3-((4-metoxifenil)selenil)-2-fenilimidazo[1,2-a)piridina (MPI) em reverter o estabelecimento do comportamento tipo depressivo e ansiogênico induzido pela administração de fator de necrose tumoral alfa ( TNF-α) pela via intracerebroventricular.
Investigar o efeito do tratamento com MPI na reversão da produção de citocinas pró-inflamatórias (IL-1β, IL-6, TNF-α), fator neurotrófico derivado do cérebro (BDNF), NFKB, CASP 1, NLRP3, iNOS, MCP-1 e biomarcadores de estresse oxidativo no córtex e hipocampo de camundongos induzido pela administração de TNF-α pela via intracerebroventricular.
Avaliar o efeito do tratamento com MPI na redução de biomarcadores de estresse oxidativo (TBARS, CAT, GPx, GST, SOD, ROS, ON e NPSH) nas estruturas cerebrais de córtex e hipocampo de camundongos submetidos a administração de TNF-α pela via intracerebroventricular .

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANGELA MARIA CASARIL114/11/201815/11/2021
CESAR AUGUSTO BRUNING114/11/201815/11/2021
CRISTIAN MARTINI114/11/201815/11/2021
JENIFER FETTER114/11/201815/11/2021
MICAELA DOMINGUES114/11/201815/11/2021
PALOMA TABORDA BIRMANN114/11/201815/11/2021
RODRIGO PRATO PINTO114/11/201815/11/2021

Página gerada em 16/07/2019 12:16:53 (consulta levou 0.069570s)