Nome do Projeto
ConjuntuRI - Análise de Conjuntura Internacional
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
21/03/2019 - 17/12/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Multidisciplinar
Eixo Temático (Principal - Afim)
Educação / Educação
Linha de Extensão
Temas específicos / Desenvolvimento humano
Resumo
O projeto tem como objetivo incentivar a reflexão sobre temas da agenda internacional e suas interações com os planos interno, regional e local junto à comunidade local e aos alunos da rede pública de ensino médio. Para atingir este objetivo o projeto conta com dois instrumentos: a organização de palestras abertas à comunidade no Centro de Integração do Mercosul e a apresentação de ciclos de palestras junto às escolas de ensino médio da rede pública de Pelotas. Este projeto vem ganhando força e ampliando suas áreas de atuação desde sua primeira versão, em 2013. As palestras abertas à comunidade são organizadas em três eventos por ano, nos quais se traz algum intelectual com notório conhecimento no tema. Estas são abertas a toda a comunidade. E junto às escolas de ensino médio da rede pública de Pelotas, são apresentados ciclos de quatro palestras aos alunos de ensino médio, com vistas a contribuir para seu conhecimento de temas internacionais candentes e auxiliá-los na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM)

Objetivo Geral

Geral:
- Difundir e promover a reflexão sobre temas da agenda internacional e suas interações com os planos interno, regional e local junto à comunidade de Pelotas e região e aos alunos de ensino médio da rede pública de Pelotas e entorno.

Específicos:
- Organizar palestras abertas à comunidade no Centro de Integração do Mercosul;
- Apresentar ciclos de palestras junto às escolas de ensino médio da rede pública de Pelotas e entorno;
- Capacitar os alunos do curso de Relações Internacionais a atuarem nessas duas frentes;
- Difundir o conhecimento acerca do campo de estudos das Relações Internacionais;
- Divulgar o curso de Relações Internacionais da UFPel junto à comunidade e aos estudantes em fase de escolha profissional.

Justificativa

O processo de ensino e aprendizagem demanda ferramental criativo, interativo e atual para que se faça sentir na formação acadêmica. Para isso, considerou-se importante a criação de um espaço para além da carga horária normal do curso, com o intuito de promover uma maior interlocução entre docentes, discentes, população, comunidade e alunos do ensino médio da rede pública de Pelotas sobre temas atuais da agenda internacional, em suas interações com os planos interno, regional e local. É nesse anseio que nasce o projeto CONJUNTURI: pontuar questões da conjuntura internacional por abordagens interdisciplinares (antropologia, economia, direito, geografia, política, sociologia, entre outras áreas afins), a partir de amplos debates, junto à comunidade em geral e aos alunos do ensino médio.

Metodologia

A metodologia para a realização do trabalho consiste na realização de reuniões semanais para a promoção do evento periódico que debaterá de forma analítica e interdisciplinar um tema em pauta na conjuntura internacional. Os temas são sugeridos por todos, sendo a seguir submetidos à votação. A metodologia prima pelo protagonismo discente e supervisão dos docentes-idealizadores do projeto, a fim de que se crie uma cultura de participação dos alunos. Os alunos participantes do projeto subdividem-se em comissões que cuidam da infra-estrutura, divulgação, protocolo e pesquisa com atribuições específicas e cronogramas próprios. A participação dos alunos nas comissões ocorre de forma rotativa, a cada duas edições, a fim de proporcionar um aprendizado das diferentes funções. O resultado do trabalho é apreciado em eventos periódicos, nos quais ocorre a exposição da pesquisa realizada pelos alunos em seguida a exposição dos painelistas e, ao final, é realizado um debate entre alunos integrantes do projeto, painelistas, professores e demais ouvintes membros da comunidade acadêmica e geral.
Realização de ciclos de 4 palestras em temas contemporâneos da área de relações internacionais, proferidas pelos próprios discentes, sob a orientação do coordenador e colaboradores docente, nas escolas públicas de ensino médio do município de Pelotas. Com essa atividade se pretende, além de reforçar o aspecto pedagógico de aprendizado de conteúdos e formas de expressão oral para os discentes, cumprir de forma cada vez mais ampla a vocação extensionista de servir a comunidade. Nesta frente de atividades a escolha dos temas a serem abordados são discutidos previamente com os professores.

Indicadores, Metas e Resultados

A avaliação se dará pela elaboração de um relatório acerca da pesquisa dos discentes e da qualidade dos eventos promovidos pelo projeto à comunidade acadêmica e geral. Será analisada a participação dos alunos do curso de RI, dos alunos de outros cursos da Universidade e do público externo. Como avaliação será investigada se houve alguma contribuição para a compreensão conjuntural dos discentes do Curso de Relações Internacionais, buscando identificar o percentual dos alunos que participaram e que expressaram uma avaliação positiva do projeto como um todo, podendo se fazer uma plenária de avaliação ao final de cada semestre entre os docentes e discentes participantes para compilar avaliação dos mesmos.
Ademais, em cada evento nas escolas e no Centro de Integração do Mercosul serão distribuídos questionários de avaliação para os participantes a fim de serem analisados posteriormente pelos integrantes do projeto com vistas a avaliar as atividades e, eventualmente, corrigir os formatos de desenvolvimento.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA FLAVIA JACOBOWSKI GEIER
CAROLINE DE MEDEIROS MENEZES
CECILIA MARIA MELO MARTINS
DANDARA SANTOS DE ABREU
ESTER LUBKE SCHWEICKARDT
FABIO AMARO DA SILVEIRA DUVAL4
GILMAR THOMAS SILVEIRA DE CASTILHO
GIOVANA DE OLIVEIRA
ISABELA MARRETO BELTRAME
ITALO AUGUSTO FONSECA XAVIER
JULIA ADRIANE FERREIRA BRETANHA
KALEB CORDEIRO FERREIRA FRANCO DE VASCONCELOS
LUANA MENEZES
MARIA LUIZA VUOLO DOS SANTOS
THIAGO KAZUHIRA HAYASAKA RAMOS

Página gerada em 23/10/2019 15:26:58 (consulta levou 0.077386s)