Nome do Projeto
Reunião do Icomos Núcleo Rio Grande do Sul
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
04/04/2019 - 30/04/2019
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Multidisciplinar
Eixo Temático (Principal - Afim)
Cultura / Meio ambiente
Linha de Extensão
Patrimônio cultural, histórico e natural
Resumo
Em reunião no dia 21 de março de 2019 na sede do Conselho Estadual de Cultura do Estado do Rio Grande do Sul, reuniram-se os membros do ICOMOS Brasil e demais interessados para dar continuidade aos encaminhamentos de formação do Núcleo Rio Grande do Sul do ICOMOS Brasil. Participaram da reunião, representando a UFPel os professores: Francisca Ferreira Michelon, Silvana de Fátima Bojanoski e João Fernando Ingansi Nunes. Dentre as tratativas apresentadas estava o local e data para a próxima reunião regional. O ICOMOS, Conselho Internacional de Monumentos e Sítios, é uma organização não governamental global associada à UNESCO. A sua missão é promover a conservação, a proteção, o uso e a valorização de monumentos, centros urbanos e sítios. O ICOMOS é o organismo consultor do Comitê do Patrimônio Mundial para a implementação da Convenção do Patrimônio Mundial da UNESCO. Enquanto entidade vinculada à UNESCO, pode assessorar questões apresentadas por entes da área: IPHAN, SEDAC/RS e CAOMA do Ministério Público, entre outros. A reunião ampliada da entidade em Pelotas é a primeira ação coletiva do grupo a ser sediada pela UFPel.

Objetivo Geral

Desenvolver um encontro ampliado, aberto à comunidade, com convite às instituições que atuam direta ou indiretamente com o Patrimônio Cultural e que contemple o tema do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, este ano, indicado pelo ICOMOS como "Paisagem Rural".


Justificativa

Na já referida reunião, os membros presentes associados à Universidade Federal de Pelotas sugeriram coordená-la no dia Internacional dos Monumentos e Sítios. No dia 18 de abril próximo, celebra-se este Dia com o tema Paisagem Rural. Para tanto as entidades enquadradas no campo do Patrimônio conjugam esforços no intuito de celebrá-lo. A cidade de Pelotas destacou-se, recentemente, pelo selo recebido durante a 88ª Reunião do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural que reconheceu as Tradições Doceiras da Região de Pelotas e Antiga Pelotas (Arroio do Padre, Capão do Leão, Morro Redondo, Turuçu) como Patrimônio Cultural do Brasil. A decisão foi tomada pelo Conselho Consultivo que se reuniu na sede do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em Brasília. Este selo inclui os doces produzidos na região colonial dos municípios. A Universidade Federal de Pelotas-UFPel realizou a pesquisa e o inventário que documentou a ocorrência desta tradição. O Inventário Nacional de Referências Culturais - INRC Produção de Doces Tradicionais Pelotenses, realizado de 2006 a 2008, foi desenvolvido por pesquisadores da Universidade Federal de Pelotas – UFPel, e subsidiou o pedido de Registro, embasado pelo INRC. Deste modo, sediar a reunião do ICOMOS fora da capital do Estado, em Pelotas e, sobretudo na UFPel tem especial significado para os grandes avanços ocorridos nos últimos meses e que coroam muitos anos de trabalho, que sempre tiveram a participação da UFPel.

Metodologia

Seminário com mesa redonda sobre paisagem rural.
Apresentação do ICOMOS Brasil e Núcleo Regional do RS.
Apresentação dos conteúdos de paisagem rural.
Apresentação com visita da região rural de Pelotas.
Reunião do ICOMOS Brasil/RS

Indicadores, Metas e Resultados

Número de participantes - esperado 60 inscritos
Divulgação e fomento à formação do Núcleo Regional do ICOMOS
Aproximação das entidades que atuam com patrimônio cultural na região
Divulgação do acervo patrimonial de Pelotas e Região
Fomento aos interessados nas relações entre patrimônio e turismo.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANDREA LACERDA BACHETTINI4
DANIELE BEHLING LUCKOW
DARLAN DE MAMANN MARCHI
FRANCISCA FERREIRA MICHELON4
JESSICA MOREIRA LOPES DE SOUSA
JOAO FERNANDO IGANSI NUNES4
LISIANE GASTAL PEREIRA
MARLENE DOS SANTOS DE OLIVEIRA
SILVANA DE FATIMA BOJANOSKI6

Página gerada em 21/07/2019 14:28:15 (consulta levou 0.076513s)