Nome do Projeto
II Congresso Internacional Punição e Controle Social: Workshop Prisões, Controle e Dano Social na América Latina
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
10/10/2019 - 31/12/2019
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas
Eixo Temático (Principal - Afim)
Direitos Humanos e Justiça / Cultura
Linha de Extensão
Direitos individuais e coletivos
Resumo
O II Congresso Internacional Punição e Controle Social, a ser realizado nos dias 25 e 26 de novembro de 2019, na Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pelotas, e organizado pelo PPGD/UFPel, relacionado ao Libertas - Programa de Pesquisa, Ensino e Extensão em Punição, Controle Social e Direitos Humanos (UFPel), em parceria com o PPGPSDH/UCPel, PPGD/UFAL, Universidad Nacional del Litoral (Argentina), Universidad Nacional de Pilar (Paraguai) e Conselho Latino-americano de Ciências Sociais (CLACSO), tem como objetivo reunir pesquisadores e profissionais em torno do workshop Prisões, Controle e Dano Social na América Latina.

Objetivo Geral

Busca reunir pesquisadores e profissionais em torno do workshop Prisões, Controle e Dano Social na América Latina, como também aprofundar a problemática em torno da vulnerabilidade social nas prisões, na esteira do projeto de pesquisa “Cárcere e vulnerabilidade social: alcances e limites das políticas de diversidades no sistema penitenciário do Rio Grande do Sul”, com auxílio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul – FAPERGS (Edital 01/2017 ARD).

Justificativa

O desenvolvimento de espaços produtivos para o estudo e a pesquisa sobre tal problemática permite aprofundar uma perspectiva comparada com certa coesão cultural. Isso porque as nações latino-americanas apresentam traços característicos que permitem esse estudo comparativo, seja desde um enfoque geográfico regional ou a partir dos vários pontos de semelhança existentes entre elas (experiência colonial, língua – espanhol e português –, sujeição aos interesses econômicos das grandes potências etc.). Aproximando-se da realidade social latino-americana, é possível trazer ao ambiente acadêmico e científico a discussão de técnicas e a solidificação de parcerias que contemplem as reais demandas da sociedade e, a partir da compreensão das mesmas, compor mecanismos capazes de promover a transformação social.

Metodologia

Diante da abertura do diálogo com pesquisadores e grupos acadêmicos de diversos países da América Latina, percebe-se a necessidade de promover um ambiente de debate e permuta científico-acadêmica permeado por perspectivas críticas em torno de eixos estruturados a partir da interseção entre prisões, controle e dano social, cujos GT’s ficam assim indicados:
GT1 – Prisão e diversidade
GT2 – Relação de grupos e violência nas prisões
GT3 – Sistema de justiça, política e prisão
GT4 – Prisão: abordagens históricas e perspectivas metodológicas
O Congresso se desenvolverá em duas línguas: português e espanhol. Uma seleção dos trabalhos apresentados será publicada como um número especial de periódico (anais). Portanto, convidamos todas as pessoas interessadas em participar com o envio de resumos (em português ou espanhol).
Data limite de recepção dos resumos (até 250 palavras): 10/11/2019

Indicadores, Metas e Resultados

O II Congresso Internacional Punição e Controle Social, a ser realizado nos dias 25 e 26 de novembro, na Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pelotas, faz parte da agenda do Grupo de Trabalho “Sistema penal y cambio social” do “Consejo Latinoamericano de Ciencias Sociales (CLACSO)”, coordenado por Maximo Sozzo (UNL, Argentina). Este grupo de trabalho propõe estudar as mudanças atuais do sistema penal na América Latina, reivindicando o caráter indispensável do diálogo empírico e comparado para dar conta das peculiaridades locais e regionais e construir enfrentamentos teóricos e políticos (http://www.clacso.org.ar/grupos_trabajo/detalle_gt.php?ficha=742&s=5&idioma).
O evento também está relacionado ao cronograma de atividades da “Red Cono Sur de Investigación en Cuestión Penitenciaria (RCSICP)”. Esta rede conta com a participação de investigadores e investigadoras da Universidade Católica de Pelotas (Luiz Antonio Bogo Chies), Universidade Federal de Pelotas (Bruno Rotta Almeida), Universidad de Chile (Olga Espinosa), Universidade de la República, Uruguai (Leticia Nuñez Almeida), Universidad de Buenos Aires, Argentina, Universidad Nacional de Rosario, Argentina (Mauricio Manchado), e objetiva desenvolver, conjuntamente entre profissionais, professores e pesquisadores da Argentina, Brasil, Chile e Uruguai, ações científico-acadêmicas e de extensão que possam contribuir significativamente para o avanço e difusão do conhecimento nas áreas da execução
penal e da questão penitenciária (http://wp.ufpel.edu.br/libertas/redes-de-pesquisa/rcsicp/).
Por sua vez, a “Red de Investigación Penitenciaria de las Américas (Americas Prison Research Network – APRN)” também estará representada no evento pelos membros Bruno Rotta Almeida e Olga Espinosa. Trata-se de uma rede de pesquisadores que promove a investigação sobre prisões e pessoas privadas de liberdade nas Américas (http://redpenitenciaria.org/).
Como produto científico dessas trocas acadêmicas anteriores, destacam-se estes três dossiês publicados em revistas científicas: ALMEIDA, B. R.; MELO, J. G.; COSTA, E. C. P. Dossiê Extensão universitária e sistema penal-penitenciário: aportes teóricos e experiências de luta, projetos e ações. Revista Eletrônica da Faculdade de Direito de Pelotas, 2018. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/revistadireito/issue/view/783; ALMEIDA, Bruno Rotta; CHIES, L. A. B. Dossiê Punição e Controle Social: degradações carcerárias em América Latina e Europa. Revista
Eletrônica da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pelotas, 2016. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/revistadireito/issue/view/645; CHIES, L. A. B.; ALMEIDA, B. R. Dossiê Questão Penitenciária no Cone Sul - Revista Sociedade em Debate - ISSN 2317-0204 - V. 22, N.2. Disponível em: http://revistas.ucpel.tche.br/index.php/rsd/issue/view/109/showToc

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
AMANDA D'ANDRÉA LÖWENHAUPT
ANDERSON ALEXANDRE DIAS SANTOS
BRUNA HOISLER SALLET
BRUNO ROTTA ALMEIDA4
CAMILA SILVA ROCHA
JÚLIA PEREIRA HALLAL
KAROLINE RODRIGUES BALSE
MARINES LOPES DA ROSA
NATAN NOGUEIRA LOPES
THAIS BONATO GOMES
VICTORIA BORTOLOTTI LEMOS

Página gerada em 30/06/2022 14:32:12 (consulta levou 0.068148s)