Nome do Projeto
Petrobowl
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
01/06/2020 - 31/05/2024
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Engenharias
Resumo
A Society of Petroleum Engineers (SPE) é uma associação internacional focado no desenvolvimento técnico e pessoal de profissionais ligados à área de óleo e gás. A SPE possui, ao redor do mundo, braços de suas atuações junto as Universidades sendo estes conhecidos como capítulos estudantis (SPE Student Chapters). Uma das atividades desenvolvidas pela SPE focada no desenvolvimento dos futuros profissionais da área de óleo e gás é o Petrobowl. O Petrobowl é uma competição internacional de conhecimento técnico-científico da área de petróleo, onde Universidades são representadas por times, constituídos por membros (discentes) dos capítulos estudantis. Devido a expressividade da competição e motivação que a mesma gera aos discentes, Universidades tem desenvolvido programas específicos para a construção e treinamento de seus times para participarem do evento, o qual hoje possui etapas nacionais, regionais para a seleção das Universidades que participaram da competição internacional. Devido ao caráter educativo da ação e verificando o caráter motivador que a mesma pode apresentar junto aos discentes, o presente projeto busca criar junto a Universidade Federal de Pelotas a estrutura e as ferramentas necessárias para desenvolver e capacitar os discentes a participarem da competição.

Objetivo Geral

O presente projeto tem como objetivo desenvolver a estrutura e o ciclo de trabalho necessários para desenvolver, capacitar e consolidar um grupo de estudos focado para a participação dos discentes da UFPel nas seletivas e competições de conhecimento técnico-científico relacionados ao Petrobowl. Adicionalmente, pelo caráter motivador da ação, propõem-se desenvolver atividades similares ao Petrobowl junto ao curso de Engenharia de Petróleo da Instituição, criando uma pequena competição interna. Como também, a geração de encontros com times de outras Universidades, para fornecer treinamento e networking aos alunos participantes da ação.

Justificativa

Desenvolver ferramentas atrativas que motivem o desenvolvimento técnico-cientifico dos discentes se apresenta como um das diretrizes para o aprimoramento das atividades de ensino. O projeto Petrobowl possui características que motivam os discentes em se aperfeiçoarem. Iniciativas similares, de outras instituições, tem demonstrado isso. Através do grupo de estudo para o Petrobowl material técnico pode ser desenvolvido e distribuído entre os membros e a comunidade acadêmica. Interatividade com outras instituições e empresas podem ser geradas com a participação dos discentes da UFPel nas seletivas da competição. A participação da UFPel pode expandir a disseminação das atividades da UFPEL em nível nacional e internacional e para isso devemos fornecer as melhores condições para os discentes que irão representar a instituição.

Metodologia

A metodologia de trabalho consiste em três pilares.

O primeiro pilar consiste na geração de um banco de dados sobre os tópicos técnicos abordados na competição. Neste sentido, será desenvolvido uma interface online onde os discentes do curso de Engenharia de Petróleo poderão incluir questões referentes as disciplinas que estão cursando. Como forma de incentivar a participação dos discentes, serão fornecidas premiações, com o suporte do capítulo estudantil da UFPel, àqueles que tiverem maior número de contribuições. As perguntas e consequentes respostas serão validadas pelos docentes participantes do projeto e especialistas na área. Através desta ação, que será contínua, espera-se gerar um grande banco de dados que auxiliará o desenvolvimento e treinamento da equipe.

O segundo pilar consiste na definição dos membros e do treinamento do time SPE UFPel. Para isso, a cada ano de ação, será aberta a seleção para discentes interessados em compor a equipe. Será desenvolvido um processo seletivo onde serão avaliados os conhecimentos técnicos dos alunos. O grupo será constituído por no máximo 12 alunos. Para competição é permitida a participação de no máximo 5 alunos, o quais serão selecionados em um processo interno através de métricas a serem desenvolvidas. Definido o time, se desenvolverá semanalmente, encontro entre os discentes para simular a competição e treinar os seus conhecimentos.

O terceiro pilar consiste na geração de eventos, de menor escala, similares ao Petrobowl no âmbito do curso de Engenharia de Petróleo. Estima-se criar um evento onde discentes de um mesmo semestre constituirão equipes que irão se confrontar em processo idêntico ao aplicado no Petrobowl. Com isso, serão definidos equipes vencedoras para cada semestre do curso, as quais se enfrentarão em um evento final. Outra atividade, neste mesmo pilar, é o convite a times de outras Universidades virem a Pelotas e simularem um confronto. Espera-se que desta maneira se gere uma interface de conhecimento e networking para os discentes e universidades participantes.

Indicadores, Metas e Resultados

Espera-se através do desenvolvimento do projeto a geração de uma cultura de aperfeiçoamento dos discentes, como também a construção de um banco de dados que suporte o desenvolvimento técnico-científico dos discentes.
Como meta, estima-se até fim desta edição do projeto a qualificação do time SPE UFPel para a participação da competição internacional.
Com o desenvolvimento do projeto será mensurado continuamente o engajamento dos discentes no projeto, tanto na procura discente para compor o time SPE UFPel, quanto para a competição interna proposta.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA LUIZA GALINDO DE OLIVEIRA OVELAR
ARTHUR XIMENES SILVA
DIEGO DE MAGALHAES
ERICK MARTINEZ ZANINI
FARUK SAMI ABDEL AZIZ YOUSEF BAKRI
FERNANDO STEIMETZ
FORLAN LA ROSA ALMEIDA2
ISIS FELTRIN STEINER
MARX VLADIMIR DE SOUSA MIRANDA
VALMIR FRANCISCO RISSO1

Página gerada em 28/11/2020 23:39:30 (consulta levou 0.103152s)