Nome do Projeto
AS PRÁTICAS DE ENSINO DA COMPOSIÇÃO MUSICAL EM INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR BRASILEIRAS
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
01/04/2020 - 31/03/2022
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes
Resumo
O ensino da composição musical está presente em diversas instituições de ensino superior brasileiras. Com a consolidação dos cursos de graduação em música no Brasil a partir da década de 70, a formação de novos compositores no âmbito acadêmico ganhou importância e, progressivamente, vem ocupando mais espaço. Nos tempos atuais, a formação de compositores nas universidades adquiriu uma abrangência muito maior, como o 'locus' do ensino da composição musical. O estudo e a reflexão sobre o contexto nacional e, portanto, mais abrangente do ensino da composição musical é uma tarefa árdua e que deverá ser enfrentada coletivamente. É através da soma de esforços por meio de publicações com foco em experiências ou questões pontuais, bem como de pesquisas com olhares mais amplos e/ou transversais, que se poderão constituir as bases para um aprofundamento epistemológico sobre o ensino da composição musical no Brasil. O foco da nossa pesquisa serão as práticas de ensino da composição musical em instituições de ensino superior brasileiras. Serão estudados os contextos e as práticas específicas do ensino da composição nos diversos cursos; suas metodologias, os possíveis vínculos com as diferentes tradições, os conteúdos programáticos de disciplinas e os critérios de avaliação; bem como o estado-da-arte nas publicações nacionais e internacionais.

Objetivo Geral

Conhecer o panorama atual do ensino da composição nas IFES
brasileiras;
Conhecer o estado-da-arte da pesquisa sobre o ensino da composição
musical.

Justificativa

A prática de ensino da composição musical nos cursos de música das
instituições de ensino superior no Brasil é uma realidade consolidada há algumas
décadas. Entretanto a reflexão sobre esta prática não acompanhou esse
processo de consolidação. Diante das dimensões continentais do nosso país, é
de se esperar que a distância geográfica entre as várias instituições dificulte a
troca de informações e de experiências sobre as práticas pedagógicas. Do
mesmo modo, a defasagem de publicações sobre o tema somente contribui para
aumentar este distanciamento e dificultar a reflexão sobre as práticas e
metodologias de ensino da composição musical, no âmbito nacional.
O curso de composição musical da UFPel é um curso recente, dentro do
panorama brasileiro. Ele foi criado em 2008, inserido no projeto REUNI. Desde o
seu início, os professores do curso procuram refletir sobre as próprias práticas,
com vistas à qualificação e aperfeiçoamento das mesmas. Uma necessidade que
sempre se impõe nestas reflexões é a de situar esta prática docente “local”, no
campo da composição musical, frente às demais instituições de ensino e ao
referencial teórico contemporâneo. Adicionalmente, parece-nos que o momento
atual é especialmente propício para intensificar as reflexões, uma vez que já
tivemos uma quantidade significativa de turmas que concluíram o curso, nos
proporcionando assim uma visão mais ampla do processo de ensino-
aprendizagem.
Em uma primeira etapa de nossa pesquisa, ao buscar apoio nas publicações científicas sobre o assunto, verificamos a existência de uma quantidade relativamente pequena de publicações que tratam da questão do ensino da composição musical. Grande parte delas, enfocam práticas locais ou discutem questões conceituais mais gerais do processo compositivo.
Neste sentido, conclui-se que é de grande relevância realizar uma pesquisa que possa contribuir para preencher as lacunas do conhecimento sobre as práticas de ensino da composição musical nas instituições de ensino superior brasileiras.
É premente a necessidade de realizar-se um levantamento das práticas atuais - quais metodologias, critérios de avaliação, conteúdos programáticos, vínculos com tradições, etc -, como um subsídio inicial para futuras reflexões.

Metodologia

A metodologia a ser adotada nesta pesquisa consistirá, em um primeiro momento, de um levantamento quantitativo dos cursos de Composição Musical, ou de cursos que oferecem a disciplina de composição musical nas universidades Brasileiras.
Em um segundo momento, será feito o estudo de referencial teórico sobre o ensino da composição para subsidiar a formulação de questões. A metodologia a ser adotada nesta etapa é a do "estado-da-arte", nas publicações nacionais e internacionais.
Posteriormente realizaremos uma pesquisa Survey, com os coordenadores de curso, e professores de composição, para analisar as práticas pedagógicas do ensino da composição nessas instituições. Na elaboração dos questionários abordaremos os conteúdos programáticos das disciplinas, o papel do ensino das várias tradições composicionais e as orientações dos cursos sobre os processos avaliativos em composição musical.

Indicadores, Metas e Resultados

Os indicadores e resultados esperados da pesquisa serão as apresentações em Congressos e eventos de Iniciação Científica e as publicações em Periódicos de circulação nacional e internacional, de modo a fomentar a discussão sobre a pedagogia da composição musical nas universidades brasileiras.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CARLOS WALTER ALVES SOARES6
GUSTAVO SOARES FERNANDES PIRES
ROGERIO TAVARES CONSTANTE3

Página gerada em 02/07/2022 13:26:39 (consulta levou 0.073364s)