Nome do Projeto
O Projeto Teatro do Oprimido e suas repercussões na comunidade
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
20/05/2020 - 30/11/2025
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes
Resumo
O Projeto propõe-se a sistematizar, organizar e analisar as produções do Projeto de Extensão Teatro do Oprimido na Comunidade ao longo dos últimos 10 anos, para diagnosticar suas repercussões nas comunidades onde se desenvolveu e compreender o significado deste para a formação dos estudantes de Teatro ministrantes dos projetos nas comunidades.

Objetivo Geral

Organizar as produções visuais e áudio-visuais e bibliográficas disponíveis do Projeto de Extensão Teatro do Oprimido na Comunidade a fim de registrar e diagnosticar as repercussões deste nas comunidades onde desenvolveu suas atividades ao longo de 10 anos.
Avaliar e sistematizar os impactos do Projeto de Extensão Teatro do Oprimido na Comunidade na formação acadêmica dos educandos envolvidos como ministrantes do Projeto.

Justificativa

A proposta do Projeto de Extensão surgiu durante o desenvolvimento da disciplina de Teatro na Educação III, do Curso de Teatro-Licenciatura da UFPel. O principal objetivo da disciplina é promover a reflexão sobre como desenvolve- se o teatro em comunidades, principais grupos existentes no Brasil e América Latina. Paulo Freire alertava em seus estudos que narrando passagens da vida se revelam os acontecimentos da condição humana, vivente e vivida. Surgem á consciência os condicionamentos e as circunstâncias que também nos colocam à frente os momentos em que pudemos optar, fazer escolhas de inserção no mundo e não apenas de adaptação. O Projeto de Teatro do Oprimido desenvolve técnicas teatrais que mobiliza as pessoas a a narrarem sua existência a apartir das opressões que sofrem, justamente para
procurarem superar tais opressões. O fato de me perceber no mundo, com o mundo e com os outros me põe numa posição em face do mundo que não é de quem nada tem haver com ele (...) não é a de quem a ele se adapta, mas a de quem nele se insere (FREIRE, 1987, p.60). A autoria da práxis-teatral para Augusto Boal, sistematizador da proposta de Teatro do Oprimido, que é experienciada pelos espect-atores constitui-se para fundamentar o caráter dialógico desta práxis. Boal entendia o teatro como instrumento de emancipação política e de transformação da sociedade – ao identificar-se com
situações de opressão apresentadas, o “espect-ator” poderia repensar sua própria postura diante destas opressões. O Teatro do Oprimido é um método estético que sistematiza Exercícios, Jogos e Técnicas Teatrais que objetivam a desmecanização física e intelectual de seus praticantes, e a democratização do teatro. Cumpre ressaltar que todas as técnicas pressupõem a criação de grupos. As experiências de cada integrante do grupo são matéria-prima do trabalho. O TO parte do princípio de que a linguagem teatral é a linguagem humana que é usada por todas as pessoas no cotidiano. Sendo assim, todos podem desenvolvê-la e fazer teatro. Desta forma, o TO cria condições práticas para que o oprimido se aproprie dos meios de produzir teatro e assim amplie suas possibilidades de expressão. Além de estabelecer uma comunicação direta, ativa e propositiva entre espectadores e atores.
Conversão do espectador em ator. Conhecimento do próprio corpo
• Tornar o corpo expressivo
• Teatro como linguagem
• Teatro como discurso
• A práxis teatral como leitura de mundo e diálogo

Metodologia

Qualitativa com análise de conteúdo a partir das entrevistas realisadas com os
participantes do Projeto de Extensão e das imagens e relatórios apresentados pelos ministrantes dos projetos nas comunidades.

Indicadores, Metas e Resultados

Elaboração de registro digitalizado e/ou escrito sobre a produção do Projeto de Extensão e suas repercussões nas comunidades nos últimos anos. Divulgação em eventos da área em encontros científicos e ou acadêmicos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALISSON LUIZ CARDOSO SAMBORAY GODOI
FABIANE TEJADA DA SILVEIRA8
ISMÁILER RODRIGUEZ BORGES
LAWRIEN OLIVEIRA DE FREITAS
MÉLANIE WREGE
Vera Saldanha Fernandes

Página gerada em 23/04/2024 20:58:44 (consulta levou 0.137223s)