Nome do Projeto
Estudo sobre a percepção e uso de informações de previsão do tempo
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
01/06/2020 - 31/07/2021
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra
Resumo
A previsão do tempo é um serviço importante, pois está diretamente ligada às atividades do cotidiano de diversos setores. Na aviação, o papel da previsão é essencial para decolagem e aterrisagem de aviões. Já na navegação é fundamental para planejamento de rotas, a fim de evitar atrasos de navios. Na agricultura por exemplo, a previsão é importante pois as plantações são totalmente dependentes das variações climáticas. No âmbito econômico, influenciam os negócios, ou seja, pode influenciar a logística de distribuição de produtos do setor varejista, a execução de empreendimentos imobiliários, por exemplo. Além disso, desempenha um papel importante na prevenção/mitigação das consequências de desastres naturais, sendo assim primordial para segurança da população. Atualmente, se tem acesso a informações meteorológicas com muita facilidade por meio de jornais, TV, rádio e internet. Os alertas/avisos emitidos por essas fontes são importantes pois o principal motivo é a proteção da população. Entretanto, a confusão no entendimento do conteúdo desses alertas, além de diferentes metodologias para a sua criação por distintas fontes podem prejudicar a transformação da informação em uma ação que resulte numa prevenção de acidentes/perdas ou numa diminuição dos impactos provocados por eventos meteorológicos. Com isso, há uma necessidade de melhor entender a percepção e o uso de informações meteorológicas e melhorar não apenas as ferramentas de observações e os modelos computacionais, mas também o aspecto de comunicação, visto que não se tem informações de como o serviço de emergência percebe e utiliza essas informações.

Objetivo Geral

O objetivo principal é conhecer o entendimento das pessoas em relação às informações de previsão de tempo e clima.
Os objetivos específicos são:
• Construir um questionário a ser aplicado aos principais agentes de proteção à vida que atuam na região sul do estado do Rio Grande do Sul.
• Avaliar quantitativamente as respostas do questionário para conhecer o comportamento dos usuários das informações meteorológicas.
• Identificar qualitativamente possíveis fontes para as falhas de entendimento da previsão de tempo: conteúdo da previsão ou entendimento por parte do usuário.

Justificativa

A execução desse projeto justifica-se pelos seguintes aspectos:
1) grande disponibilidade de informações de previsão de tempo,
2) alta hetereogeneidade de usuários e, por consequência, entendimentos distintos das informações acessadas.
Dessa forma é importante conhecer como os diferentes usuários compreendem as informações acessadas. Com isso, pode-se estabelecer estratégias de esclarecimentos sobre elas, possibilitando um melhor uso.

Metodologia

Dados
Os dados correspondem as respostas obtidas a partir da aplicação de questionários. A pesquisa será realizada através do método de amostragem por julgamento onde os entrevistados possuem características definidas, nesta circunstância, agentes de proteção a vida que utilizam informações meteorológicas, como por exemplo, Defesa Civil, Polícia Ambiental, Corpo de Bombeiros e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). A coleta de dados será via internet, devido a velocidade de processamento de dados. Além disso, há a redução de custos, somada a possibilidade de utilização de recursos multimídia nos questionários como fotos e vídeos.

Métodos
A pesquisa será realizada por meio de um questionário estruturado de acordo com uma ordem predeterminada, contendo perguntas abertas que serão respondidas livremente pelos entrevistados, e perguntas fechadas que oferecem um conjunto de respostas possíveis, nas quais o entrevistado deve optar por uma das alternativas apresentadas. A quantidade de perguntas será definida em função de aspectos obtidos da literatura, conforme a relação entre o número de perguntas com o tamanho da amostra, com o tempo médio de resposta ao questionário e com as perguntas para obter informações importantes sobre as atividades dos profissionais.
A elaboração do questionário será cuidadosamente planejada para extrair o máximo de informações utilizando métodos de escala, como por exemplo, escala Likert usada para medir opiniões, percepções, comportamentos e concordância dos entrevistados a determinadas afirmações. A escala tem como proposta a aplicação de cinco pontos, variando de um extremo a outro, como por exemplo: discordo totalmente, discordo parcialmente, nem discordo nem concordo, concordo parcialmente, concordo totalmente. Uma das grandes vantagens em usar o método de escala Likert é sua facilidade de manuseio, e emitir um grau de concordância sobre uma afirmação qualquer. (JÚNIOR; COSTA, 2014)
As respostas dos questionários serão avaliadas por meio de métodos quantitativos para quantificar opiniões e informações para a pesquisa, utilizando técnicas estatísticas, como por exemplo, média, moda, mediana, desvio-padrão e coeficiente de correlação. Os dados categóricos e numéricos serão interpretados por gráficos, fluxogramas, diagramas e tabelas. A interpretação será por métodos qualitativos buscando identificar, mal-uso, má interpretação e/ou clareza do conteúdo da informação meteorológicas.

Indicadores, Metas e Resultados

Espera-se, por meio dessa pesquisa, conhecer eventuais falhas de percepção dos agentes de proteção à vida a respeito das informações do tempo, procurando identificar uma possível causa para essas falhas. Um melhor conhecimento dessa relação entre previsão de tempo e usuário pode colaborar positivamente tanto na melhoria da construção das informações de previsão de tempo quanto em seu uso.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
FRANCIELI JORGE
MATEUS DA SILVA TEIXEIRA6

Página gerada em 03/03/2024 23:49:05 (consulta levou 0.126379s)