Nome do Projeto
Avaliação e manejo da dor em recém-nascidos e crianças
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
03/08/2020 - 12/09/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde
Resumo
A exposição à dor repetida e não tratada no período neonatal leva a sérias implicações neurológicas como: impacto negativo no crescimento pós-natal e desenvolvimento cerebral dessas crianças, efeitos negativos na atenção, cognição, desenvolvimento emocional e motor observados principalmente em idade escolar. Adicionalmente, crianças maiores podem desenvolver medo no futuro e evitar os procedimentos habituais de promoção de saúde como as vacinações, por exemplo. Há, portanto, uma responsabilidade ética em se evitar ou aliviar a dor relacionada aos procedimentos invasivos e potencialmente dolorosos quando houver métodos para isso. (artigo 7 da declaração dos direitos das crianças e adolescentes hospitalizados)

Objetivo Geral

Proporcionar o conhecimento teórico sobre os instrumentos de avaliação de dor em recém-nascidos e crianças, sua aplicabilidade e descrever o manejo da dor (não farmacológico e farmacológico) baseado em evidências.

Justificativa

A avaliação da dor neonatal e na criança maior ainda é um desafio para profissionais de saúde em função de sua subjetividade e de múltiplos componentes envolvidos.
Assim, enfermeiras(os) necessitam de subsídios para que a avaliação da dor seja fidedigna e baseada em instrumentos validos e confiáveis, com vistas a minimizar o empirismo na avaliação e o subtratamento da dor.
Trata-se de relevante temática na formação, em nível de graduação, para a tomada de decisão baseada em evidência, compartilhada com pais e cuidadores, considerando-se o contexto, recursos disponíveis e as questões culturais.

Metodologia

O curso será desenvolvido usando-se um ambiente virtual de aprendizagem hospedado na plataforma Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment (moodle).
Serão disponibilizados vídeos e artigos relacionados à temática.

Indicadores, Metas e Resultados

Utilizar-se à um pré e pós teste para avaliação do conhecimento
Discussão e elaboração de casos clínicos com a expectativa de subsidiar a tomada de decisão nos distintos cenários e situações descritas.
Espera-se que estudantes sintam-se confiantes e instrumentalizados após o curso para a avaliação e o manejo da dor.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA CLAUDIA GARCIA VIEIRA24
RENATA VIEIRA AVILA

Página gerada em 23/06/2021 08:13:20 (consulta levou 0.056097s)