Nome do Projeto
Avaliação física, química e microbiológica a longo prazo na regeneração de um solo construído na área de mineração de carvão de Candiota-RS
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
30/07/2020 - 30/07/2024
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias
Resumo
A mineração de carvão a céu aberto causa um grande impacto ambiental. A cava aberta para a retirada do carvão é preenchida com materiasis anteriormente removidos e recoberta com uma fina camada de solo superficial. O perfil do solo construído resulta profundamente modificado, com reflexos negativos nos atributos físico-hídricos, químicos e biológicos. A revegetação lenta e irregular favorece o escorrimento superficial e a erosão severa, que expõe a camada de estéril rica em pirita, o que provoca uma reação de acidificação intensa, comprometendo o ecossistema. Neste contexto, este projeto tem por objetivo continuar a avaliação, ao longo do tempo, do efeito de diferentes sistemas de vegetação sobre a recuperação das funções de um solo construído em área minerada de carvão de forma a atingir qualidade suficiente´para manter sistemas agropastoris sustentáveis. Para tal, serão utilizados dois experimentos instalados no verão de 2003/2004 financiados pelo CNPq Edital 01/2002. O primeiro com plantas de cobertura de verão consorciadas com culturas perenes de inverno e o segundo com doses de calcário e parcelamento de aplicação. Serão avaliados os atributos físicos, químicos e biológicos do solo em função dos diferentes sistemas de cobertura e das diferentes aplicações de calcário

Objetivo Geral

Avaliar, ao longo do tempo, o efeito de diferentes sistemas de vegetação sobre a recuperação das funções de um solo construído em área minerada de carvão de forma a atingir qualidade suficiente para manter sistemas agropastoris sustentáveis. Avaliar a evolução de atributos físicos, químicos e biológicos de um solo construído em função das espécies de cobertura vegetal. Determinar as espécies ou sucessão de espécies mais adequadas para introduzir no processo inicial de vegetação das áreas de solos construídos. Determinar a necessidade de calagem adequada para a situação dos solos construídos, levando em conta o potencial de acidificação devido à pirita.

Justificativa

A mineração de carvão mineral é uma atividade conduzida para geração de energia que, apesar de polêmica por conta dos impactos ambientais, tem sido essencial para evitar a falta de energia no sistema nacional durante os períodos de escassez hídrica, da mesma forma que os outros tipos de geração térmica, tendo a vantagem de ser mais barata. A mitigação dos impactos ambientais, incluindo nessa o dos solos, portanto, é essencial para a continuidade dessa atividade, que tem outras implicâncias além da supracitada, como a geração local de empregos e de renda na região

Metodologia

No decorrer da condução do projeto serão
periodicamente coletadas nas parcelas dos experimentos amostras de solo deformadas e com estrutura preservada, em diferentes camadas, para avaliar atributos físicos (densidade, porosidade, resistência a penetração, compressibilidade, grau de compactação, resistência tênsil de agregados, distribuição de tamanho e estabilidade de agregados, argila dispersa em água, curva de retenção e disponibilidade de água às plantas), químicos (pH, cátions trocáveis, acidez potencial, fósforo, carbono orgânico total, nitrogênio total, fracionamento físico e químico da matéria orgânica e quantificação das substância húmicas), biológicos (biomassa microbiana, C e N na biomassa microbiana, respiração basal e quociente metabólico) e da
mesofauna. Será realizada também uma análise qualitativa e quantitativa do sistema radicular das diferentes espécies cultivadas na área através da coleta de monólitos com placa de pregos.

Indicadores, Metas e Resultados

Os dados obtidos nesse experimento servirão para elaboração de dissertações de mestrado e de teses de doutorado, esperando-se, além da publicação das respectivas dissertações e teses, também a publicação de artigos e resumos em congressos e revistas científicas. O conhecimento gerado também será utilizado no aprimoramento das técnicas de recuperação de solos impactados pela mineração.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADÃO PAGANI JUNIOR
ADÃO PAGANI JUNIOR
BEATRIZ BRUNO DO NASCIMENTO
CLAUDIA LIANE RODRIGUES DE LIMA2
FILIPE SELAU CARLOS2
JEFERSON DIEGO LEIDEMER
JOSE VITOR PEROBA ROCHA
LIZETE STUMPF6
LUCAS DA SILVA BARBOSA
LUIZ FERNANDO SPINELLI PINTO4
MAURICIO DE OLIVEIRA SILVA
MAURÍCIO SILVA DE OLIVEIRA
PABLO MIGUEL2
RYAN NOREMBERG SCHUBERT6
THABATA BARBOSA DUARTE

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPES / Coordenação de Aperfeiçoamento de Nível SuperiorR$ 10.000,00Coordenador

Plano de Aplicação de Despesas

DescriçãoValor
339030 - Material de ConsumoR$ 2.000,00
339018 - Auxílio Financeiro a EstudantesR$ 5.000,00
339039 - Outros Serviços de Terceiro - Pessoa JurídicaR$ 3.000,00

Página gerada em 30/06/2022 07:55:53 (consulta levou 0.119730s)