Nome do Projeto
Leitura dramática e FLE
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
22/03/2021 - 22/03/2023
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes
Resumo
Este projeto de pesquisa unificado multidisciplinar tem como foco principal a reflexão e a revisão bibliográfica sobre a leitura dramática e a aprendizagem do Francês Língua Estrangeira (FLE) a partir de experiências realizadas na Universidade Federal de Pelotas. Além disso, em suas ações unificadas, prevê a realização de atividades relacionadas à leitura dramática, envolvendo estudantes do curso de Licenciatura em Letras Português e Francês e da Licenciatura em Teatro e de sessões de leitura abertas ao público, virtuais e/ou presenciais.

Objetivo Geral

Produzir uma revisão bibliográfica e um estudo sobre a leitura dramática e o ensino/aprendizagem do FLE, focando especialmente nas experiências dos projetos “Teatro em Francês” e “Leituras do drama contemporâneo”. Além disso, através de ação de ensino, criar dinâmicas e roteiros didáticos destinados aos futuros formadores da Licenciatura em Letras Português e Francês e Licenciatura em Teatro valendo-se do recurso à leitura dramática de textos teatrais.

Justificativa

A experiência do “Teatro em francês” na UFPel ocorreu como projeto de extensão de 2013 a 2018, com o objetivo de oferecer espetáculos de repertório variado à comunidade francófona e francófila de Pelotas e difundir obras e autores diversos. A criação de um novo projeto se justifica pelo desejo de darmos continuidade a esse trabalho, consolidando através de uma pesquisa a experiência adquirida na concepção de roteiros didáticos, que se integrem à prática dos futuros formadores em sala de aula.
Lembramos que tal prática é hoje preconizada pelo mais recente documento normativo da educação brasileira, a Base Nacional Comum Curricular de 2018, referencial de todos os currículos de todas as redes públicas e particulares e que apresentou mudanças significativas quanto à presença de textos multimodais no currículo do Ensino Médio, onde atuarão os futuros licenciados. No campo artístico-literário, prescreve-se a análise contextualizada e mais fundamentada de produções artísticas e dos textos literários com destaque para os clássicos e para outras “formas de apropriação do texto literário, de produções cinematográficas e teatrais e de outras manifestações artísticas” (BNCC, p. 495).
O caráter multidisciplinar do projeto Leitura dramática e FLE se justifica pela necessidade imprescindível de associar um sólido conhecimento da prática teatral ao ensino do FLE, conferindo uma qualidade diferenciada ao material didático que desenvolveremos. Não se trata das simulações e "jeux de rôles" das aulas de língua estrangeira com os quais o(a)s estudantes estão habituados.
Enquanto leitura envolvendo o corpo e a voz, a representação cênica permite uma interpretação do texto que vai além do simples ato de decifrar o código linguístico ao valorizar o papel do leitor na criação de sentido. Tal processo remete em muitos aspectos à abordagem acional do ensino do FLE, no qual o aprendiz é considerado um ator que deve desenvolver habilidades comunicativas, sociais e interacionais, usando um leque de conhecimentos linguísticos e não linguísticos necessários para o agir social.
Ao escolhermos o texto teatral para essa proposta, reconhecemos a importância do investimento subjetivo na leitura como fator de motivação dos aprendizes, assim como do engajamento do professor em formação em uma abordagem reflexiva, de tal maneira que cada um(a) se conheça como leitor(a) a partir de seu próprio envolvimento na ficção que a leitura dramática exige dos participantes (LACELLE et LANGLADE, 2007).
Além do projeto “Teatro em Francês”, a pesquisa dialoga com o projeto “Leituras do drama contemporâneo”, desenvolvido na UFPel desde 2015, e que realiza estudos sobre dramaturgia contemporânea e leituras dramáticas abertas ao público.
Esta transposição do projeto “Teatro em francês” para o campo da pesquisa justifica-se pelo desejo de desenvolver uma reflexão teórica sobre a importância da leitura dramática na formação docente, explorando todas as potencialidades deste recurso cênico e didático e fazendo uma revisão bibliográfica acerca do tema.

Metodologia

O projeto terá como ação central a pesquisa teórica sobre a leitura dramática e o ensino da língua francesa e do teatro a partir da experiência das docentes com os supracitados projeto de extensão “Teatro em Francês” e projeto de pesquisa “Leituras do drama contemporâneo”, além de outras, realizadas por outras instituições ou espaços de aprendizagem.
Além disso, objetivando não perder sua essência de realizar leituras dramáticas em língua francesa, prevê-se ações unificadas específicas que atendam à prática da leitura e difusão da dramaturgia.
A metodologia compreende as seguintes etapas:
1. Revisão bibliográfica sobre o uso da leitura dramática nos cursos universitários;
2. Reflexão teórica sobre as experiências anteriores de leitura dramática em francês realizadas na UFPel;
3. Realização de leituras dramáticas, englobando: seleção de participantes, preparação com oficina de leitura, escolha de texto dramático, análise do texto (expressão linguística) e estudo sobre o autor e a época, preparação de corpo e voz (fonética e prosódia) para a leitura, produção e divulgação da leitura e apresentação pública virtual ou presencial;
4. Elaboração de relatório final do projeto.

Indicadores, Metas e Resultados

Produção de reflexão teórica sobre o tema, com apresentação de trabalhos em eventos e publicação de artigos. Realização de leituras dramáticas em língua francesa presenciais ou virtuais.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
AUGUSTO DARDE
BEATRIZ HYGINO DIADAMO
CHRISTOPHER RIVE ST VIL
FERNANDA VIEIRA FERNANDES8
ISABELLA FERREIRA MOZZILLO5
JOÃO VITOR SOARES
LETÍCIA SILVEIRA DE OLIVEIRA
LUIZA PEREIRA HOLBIG
MARIANA LUÍZA NEY PRADO
MARIO CELSO PEREIRA JUNIOR
MARISTELA GONCALVES SOUSA MACHADO8
MILENA DE CASTRO VAZ
STEPHANY MACHADO BARBOSA

Página gerada em 04/12/2022 01:14:49 (consulta levou 0.292737s)