Nome do Projeto
Associação Entre Perda Dentária e Uso de Serviços de Saúde Bucal: Uma Revisão Sistemática
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
20/04/2021 - 31/12/2021
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde
Resumo
A perda dentária é um dos problemas de saúde mais prevalentes no mundo, causando impacto direto na função mastigatória da população e, ainda, gerando implicações que não envolvem apenas aspectos biológicos, mas também psicológicos e sociais. Diversos autores propõem teorias que divergem sobre a relação do uso de serviços e o estado de saúde bucal, associando essa relação com perda dentária. Diante disso, o objetivo dessa revisão sistemática será verificar, se o uso de serviços de saúde está associado ou não a uma maior perda dentária na população adulta. Para realização dessa revisão sistemática, será realizada estratégias de buscas no PubMed (Medline), Embase, Cochrane Wiley, Web of Science, Scopus, Scielo e BVS (Biblioteca Virtual em Saúde), sem restrição de ano e língua. A seleção dos artigos será realizada de maneira independente pelos revisores, primeiramente pelo título e resumo, e depois pelo texto completo. A extração de dados e análise do risco de viés será realizada de maneira independente por dois revisores. Resultados serão expressos pelas medidas de associação encontradas e intervalos de 95% de confiança (IC 95%) e, se aplicável, combinados por meta-análise.

Objetivo Geral

Objetivo geral
O objetivo geral desse estudo será verificar a existência de uma associação entre a perda de elementos dentários e o uso de serviços de saúde bucal por meio de uma revisão sistemática da literatura

Justificativa

O uso de serviços de saúde está relacionado a uma melhor condição de saúde bucal, no entanto, a literatura demonstra que indivíduos que realizaram mais visitas odontológicas, receberam mais serviços comparados àqueles que permaneceram ou pioraram seu estado de saúde bucal. Entretanto, a maior perda dentária não está somente associada à procura da população por tratamento odontológico, visto que no serviço público há uma demanda acumulada de procedimentos de maior complexidade e, estes, por não apresentarem uma resolução efetiva acabam por ocasionar a maior perda dentária. Ainda, há a teoria de que aqueles que não utilizam serviços odontológicos possuem mais dentes em boca. Esse princípio pode ser associado a populações específicas onde a prevalência de perda dentária e de uso de serviços de saúde bucal foi menor. Contudo, é importante salientar que o número de dentes em boca não indica, necessariamente, que os elementos dentários estão em função. Diante dessa inconsistência de informações o objetivo desse estudo é verificar, por meio de uma revisão sistemática, se o uso de serviços de saúde está associado ou não a uma maior perda dentária na população adulta.

Metodologia

Este projeto de revisão sistemática da literatura foi elaborado de acordo com as recomendações do Guia para o Relato de Protocolos de Revisões Sistemáticas e Meta-análises, o PRISMA-P 2015 (Preferred Reporting Items for Systematic Reviwes and Meta-Analysis for Protocols 2015) (SHAMSEER et al., 2015). Ainda, o protocolo gerado esta registrado na base de dados internacional para registros de Revisões Sistemáticas PROSPERO (International Prospective Register of Systematic Reviews).

Indicadores, Metas e Resultados

Espera-se que ao final de 2021, todos os dados estejam finalizados e os resultados descritos. Os produtos deste projeto de pesquisa serão gerados com a participação de alunos de graduação e pós-graduação da Faculdade de Odontologia da UFPel. Estes alunos poderão ampliar os conhecimentos relativos ao desenvolvimento e as etapas de um projeto de pesquisa. Ao final, o artigo será enviado para publicação em revista internacional.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANDRESSA RODRIGUES CORRÊA
GABRIEL VENTURA LIMA KUCHARSKI
MAISA CASARIN1
WAGNER DA SILVA NOLASCO

Página gerada em 29/05/2022 06:48:56 (consulta levou 0.054905s)