Nome do Projeto
Influência do Emprego do Resíduo de Construção e Demolição em Concretos para Fins Estruturais
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
28/04/2022 - 28/04/2026
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Engenharias
Resumo
A indústria da construção civil é um dos setores com maior responsabilidade pelos impactos ambientais gerados na sociedade, produzindo um percentual que varia de 51 a 70 % da massa de resíduo sólido urbano no Brasil. No entanto, ela também é considerada como umas das atividades mais importantes para o desenvolvimento socioeconômico. Sendo assim, a indústria da construção civil tem o desafio em tornar sua atividade menos agressiva ao meio ambiente. Dessa forma, a substituição dos agregados convencionais por agregados reciclados pode ser uma alternativa para reduzir a poluição gerada pela produção dos agregados e para melhoria na preservação das reservas naturais. No entanto, faz-se necessário identificar as propriedades dos resíduos de construção de demolição (RCD), fator de seleção, assim como adequar o método de dosagem para que o emprego desse material não afete as características desejadas ao concreto. Sendo assim, esta pesquisa pretende avaliar a possibilidade do uso dos agregados reciclados de RCD, na produção de concretos para utilização em obras de engenharia civil.

Objetivo Geral

Demonstrar a possibilidade do uso dos agregados reciclados dos resíduos de construção de demolição (RCD) na produção de concretos com desempenho mecânico e durabilidade aceitáveis para fins estruturais.

Justificativa

O crescimento populacional e o desenvolvimento de grandes centros urbanos, provocam, proporcionalmente aumento no consumo dos recursos naturais e geração de resíduos, sendo a atividade da construção civil um dos principais agentes. No entanto, construção civil atualmente está entrando em um processo de mudança no seu modo de operar, partindo para uma visão de desenvolvimento sustentável, sendo assim tudo o que é possível para evitar ou reduzir a degradação dos recursos naturais é pertinente de ser estudado e aplicado.
Na construção civil a geração de resíduos é notada em diferentes fases do empreendimento entre elas as novas construções, reformas e demolições. Uma alternativa sustentável seria a reciclagem e reutilização dos resíduos de construção e demolição (RCD). O RCD é definido como o resíduo provenientes da construção, como reformas, demolições, novas construções e limpezas de terrenos (SANTANA et al, 2011).
A reciclagem dos resíduos de construção é uma alternativa muito astuta e viável, não só na questão financeira, mas também no que tange a preservação ambiental, pois resultaria na redução da extração da matéria prima (agregado natural). Atualmente existem muitas pesquisas envolvendo sua reutilização, como na utilização em pavers (GUSTAVO, 2014), em concretos para fins estruturais (RAFEAL, 2014; ALESSANDRA, 2015), entre outras. Esse material reciclado pode ser reutilizado na própria construção civil o que contribuiria muito com o sistema público na questão de fiscalização, melhorando assim os problemas com depósitos inadequados e ilegais, facilitando o gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos.

Metodologia

Inicialmente será realizado um amplo estudo sobre a geração, quantificação e composição gravimétrica dos RCDs no Brasil, sendo o foco a região sul principalmente o município de Pelotas, RS. Após, essa fase e com o aporte de empresas recicladoras de RCD iniciará  o estudo de viabilidade do emprego do RCD em concretos e argamassas pela substituição de parte ou todo agregado natural. Para isso, será  realizado um vasto programa experimental, onde serão analisadas comparativamente as propriedades dos concretos e da argamassas no estado fresco e no estado endurecido, assim como o comportamento dimensional de elementos estruturais submetidos a esforços. Essa análise será realizada comparativamente entre concretos com agregado natural e com agregado reciclado. Para realização e desenvolvimento desse trabalho será  necessário elaborar toda a logística de materiais, laboratório e equipamento.

Indicadores, Metas e Resultados

O presente projeto apresenta as seguintes metas:
  Quantificar o RCD produzido periodicamente no Brasil, em Pelotas-RS e região.
  Classificar e caracterizar o RCD;
indicar qual o tipo de RCD é adequado para uso em concreto como agregado;
indicar qual o tipo de RCD é adequado para uso em argamassa como agregado;
  Desenvolver metodologia de dosagem aplicável a produção de concretos com RCD;
  Desenvolver metodologia de dosagem aplicável a produção de argamassas com RCD; 
Verificar a influência do agregado reciclado no concreto e na argamassa no estado fresco;
  Verificar a influência do agregado reciclado no concreto e na argamassa no estado endurecido;
  Verificar a influência do agregado reciclado na durabilidade do concreto no estado endurecido;
  Analisar as vantagens e desvantagens do uso do RCD em concretos e argamassas.
Os indicadores empregados serão o número e a relevância de trabalhos e patentes produzidos, assim como o número de alunos ingressantes em programas de pós-graduação.
Quanto aos resultados, espera-se com esta proposta a consolidação de um grupo de pesquisa na UFPel de interesse científico, tecnológico e de inovação que busca a avaliação de novos materiais que possam ser usados na construção civil a tornado o seu processo menos agressivo ao meio ambiente. Até o final do período que compreende esta proposta, pretende-se realizar, projetos de iniciação científica, trabalhos de conclusão de curso e publicar artigos científicos em congressos e revistas internacionais que apresentam Qualis, assim como o depósito de patentes, com assuntos relacionados a este projeto. Almeja-se que durante a execução deste projeto os alunos de graduação ingressem em Programas de Pós-graduação em engenharia civil (em temas relacionados com este estudo). Com isso, o projeto também visa contribuir para a formação de recursos humanos na região sul do estado do RS, onde a carência de pessoal qualificado é elevada. Além disso, os resultados deverão estar de acordo com as metas estabelecidas e deverão ser alcançados.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALINE TABARELLI1
FREDERICO FONSECA BRAGA
GUILHERME HOEHR TRINDADE13
HEBERT LUIS ROSSETTO1
LÓREN FERREIRA DA CRUZ

Página gerada em 15/07/2024 10:52:55 (consulta levou 0.178599s)