Nome do Projeto
Assistência de Enfermagem ao idoso da Vila Municipal
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
01/01/2017 - 31/12/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde
Eixo Temático (Principal - Afim)
Saúde / Saúde
Linha de Extensão
Saúde humana
Resumo
A expectativa inicial é atender a demanda da Vila Santos Dumont. No entanto, é um grupo que se propõe estar aberto para idosos de outros locais, que sejam identificadas a partir de atendimento no Posto de Saúde, como, também, idosos que procurem encontrar no grupo de convivência um espaço de reconhecimento deste, como sujeito de direito e de ser cidadão em todo sua plenitude.

Objetivo Geral

Objetivo Geral:
Desenvolver uma forma de atuar e cuidar, na qual estejam presentes atividades, atitudes e sentimentos, que implica na habilidade de ajudar e apoiar a população idosa, visando para melhorar a condição ou modo de vida humano, resgatando e recuperando o valor da vida na terceira idade, com vistas a promovendo socialização, promoção da saúde, inclusão social, bem-estar e melhoria da qualidade de vida da pessoa idosa.
Objetivo especifico:
Desenvolver atividades que contribuam para o processo de envelhecimento saudável, no desenvolvimento exercício da autonomia, e da de sociabilidade, no do fortalecimento de vínculos familiares e do convívio comunitário na prevenção de situação de risco social;
Ajudar o idoso a compreender o processo de envelhecer, a exprimir seus sentimentos e comunicar suas necessidades, valorizando e desenvolvendo suas potencialidades para um viver mais saudável;
Promover a inserção social, resgatando a valorização da auto-estima e valor da vida;
Desenvolver atividades culturais, sociais, lúdicas e laborativas ao idoso ser humano na terceira idade, visando proporcionar um meio de desenvolvimento social, perceptual, emocional e criador, sendo, ainda, fonte prazerosa de lazer e bem-estar;
Priorizar a assistência médica e da enfermagem ao idoso que frequenta ao grupo, objetivando a manutenção e a qualidade da vida deste cidadão;
Reconhecer as principais necessidades individuais e coletivas dos idosos e suas famílias;
Realizar atividades ao e com o idoso, visando a atenção saúde através do desenvolvimento de ações educativas e o estimule a um viver saudável;
Realizar consulta de enfermagem com avaliação das necessidades individuais com vista a da pressão sanguínea e da glicemia dos idosos do grupo Semente da Amizade, visando promoção e manutenção da saúde.

Justificativa

A atuação frente à terceira idade através de no grupo de idosos- Grupo Semente da Amizade- é desenvolvida pela ABELUPE- ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE LUTERANA DE PELOTAS , e com a participação e a coordenação de Assistente Social -UFPel e das professoras da Faculdade de Enfermagem e Obstetrícia também da UFPel- RS. Destaca-se que essa a parceria da ABELUPE e UFPel na atuação com a terceira idade através dessa entidade e parcerias, teve seu inicio em 1989, e até a data atual não vem ocorrendo sem nenhuma interrupção até a presente data. o que totaliza são vinte e um anos da atuação com idosos que por conseguinte, temos o discernimento que isto nos credencia a entrar com esta proposta na busca de recursos financeiros para manutenção das atividades propostas.
A experiência tem nos mostrado que a vivência junto ao idoso alarga nossa visão sobre esta faixa etária, como também, amplia nossa reflexão sobre a qualidade do envelhecimento e a práxis do fazer profissional. À medida que, se observa através dos encontros semanais e, também, dos atendimentos individualizados que é possível aos idosos a presença de uma vida ativa, mantendo autonomia, independência, interação e integração na sociedade, preservando, desta forma, a esperança e o desejo de viver com dignidade, usufruindo os direitos de ser cidadão.
Por toda essa argumentação diante do exposto consideramos que o projeto vai ao encontro das necessidades do grupo e das frentes as ações realizadas. Os recursos solicitados possibilitam possibilitarão a continuidades das oficinas, e a autonomia promoção de ações que favoreçam a qualidade de vida, previnam doenças e garantam a saúde do grupo dos de idosos. Além disto, a diversidade de atividades na terceira idade promove saúde e previne doença, visto que, mente sã corpo sã.

Metodologia

Esta proposta já esta sendo operacionalizada há vinte e um anos, desde outubro 1989 anos, através por meio de reuniões sistemáticas as terças-feiras, caracterizando grupo de convivência, como também, quando necessário atendimento individualizado.
Os idosos que participam do desse grupo chamado “Semente da Amizade”, são em torno de 40 idosos. A dinâmica de atuação frente ao grupo tem como princípios os objetivos preestabelecidos na proposta.
Nas reuniões realizadas uma vez por semana sistemáticas desenvolvem-se atividades laborativas como pintura em tecido; cestaria; trabalhos com lã; crochê; pintura em telas; entre outras.
Os processos lúdicos e recreativos acontecem associados às atividades laborativas e são desenvolvidos por meio através de diversas modalidades de dinâmica em grupo como: música; técnica de relaxamento; dinâmicas interativas.
As datas comemorativas municipais e nacionais são, também momentos de reflexão e de um direcionamento de atividades artesanais específicas.
A existência de Há uma preocupação com os valores culturais que mobiliza leva os coordenadores a reconhecer as diferenças individuais e familiares de cada sujeito envolvido na proposta, de maneira que cada idoso é atendido ide acordo com suas necessidades individuais. acrescido a isso, sempre que possível,
Para estimular o convívio social ocorrem visita a passeios em museus, estimulando a participação em de eventos culturais gratuitos, como ex. música ao entardecer, passeio na praia, rodas de leitura, ensaio de cantospasseio no Museu da Baronesa, entre outras atividades.
Incentivamos a A integração com outros grupos de idosos, é incentivada pelos coordenadores buscando a valorização pessoal como, também, o reconhecimento da existência das singularidades de outros grupos.
Nesse sentido, na Na busca de se auto-gerenciar os idosos, com dificuldade, vendem alguns trabalhos realizados coletivamente, para com objetivo de que possam manter a sobrevivência do grupo, o que tem colocado em risco a existência do mesmo, não só pela falta de recursos de materiais de consumo, mas também de material permanente o que qualificaria o ambiente de trabalho. sendo um estímulo ao fortalecimento grupal e a valorização da vida de todos envolvidos. Visto que, muitos, Muitas atividades educacionais, e de promoção e de manutenção da saúde e de valorização viver humano, deixam de acontecer, pois, o contexto onde ocorre o projeto não apresenta recursos financeiros para garantir seu desenvolvimento. Ressaltamos que mesmo com dificuldades de espaço físico, principalmente, o projeto esse proposta vem acontecendo pelo em virtude do empenho da ABELUPE, dos professores da FEO- Faculdade de Enfermagem da UFPel e pelo interesse dos idosos em continuarem participando e integrando-se as atividade deste grupo de convivência. que valoriza como seres humanos singulares.
Neste cenário de atenção são realizadas visitas domiciliares pela equipe de saúde a partir da avaliação das necessidades bio-psico-social dos idosos.
Encaminhamento e acompanhamento dos idosos nas consultas realizadas no posto.
Palestras educativas com temas escolhido pelo grupo, resgatando o valor da vida e os direitos a saúde e sócios dessa faixa etária. São momentos em que valores éticos são ressaltados.
Integração dos idosos com as crianças da Creche Bom Pastor por meio através de atividades conjuntas.
A coordenação do Grupo de idosos Semente da Amizadedos idosos tem uma participação em programações especificas nas ruas que envolvem a divulgação e sensibilização da comunidade para essa faixa etária e o reconhecimento deste como cidadão atuante no contexto social.
Confraternização semanal com através de um chá integrativo, como também nas datas comemorativas e, nas datas de aniversário das idosas. e datas
Em busca do resgatar auto-estima e valorização da vida, Anualmente é realizado no verão passeio a cidade vizinha, de São Lourenço dom Sul, com a finalidade social e de lazer sendo que quando o planejamento, a organização e a execução são e realizados pelos idosos grupo juntamente com a coordenação do grupo Semente da Amizade.
Nas reuniões semanais sempre se abre espaço para os familiares dos idosos, tanto para visita a reunião como para participar como ouvinte. Destacamos que possibilitamos os idosos levar netos, quando este ficou sob a sua responsabilidade, no dia de reunião, pois partimos do . Esse espaço parte do entendimento que o idoso não é um ser isolado, que tem uma família e que dela participa.
Relatórios das As atividades semanais são registradas realizados no livro de Ata, como também são realizados relatório mensal is e anual das atividades como, também, e avaliação que são encaminhados aos órgãos competentes, ABELUPE, Universidade- FEO/UFPel e Prefeitura.

Indicadores, Metas e Resultados

Espera-se que esta proposta seja contemplada, pois oportunizará a continuidade da participação dos idosos a participarem de no grupo de convivência,pois com possibilidade recursos que possam ser investidos dos na melhoria do ambiente de trabalho, local em que ocorrem as atividades para a terceira idade favorecerá o desenvolvimento de outras atividades como dança,ginástica, canto e recreação específica para os idosos em um local térreo, de fácil acesso e seguro. o que qualifica a vida destas pessoas e o fazer dos profissionais envolvidos nas atividades como os idosos. Além disso, essa proposta evidencia a necessidade e a urgência de investimento, portanto, de Políticas Públicas que priorize, também, a uma atenção ao idoso, até porque, avanço tecnológico favoreceu o aumento dos anos de vida ao ser humano, entretanto não lhe assegurou um viver com reconhecimento integral da sociedade que ele é um ser de direitos fundamentais inerente a pessoa humana, como oportunidade a e facilidades, para promoção e preservação da saúde física, emocional, como também acesso educacional, intelectual, social, moral e o direito a liberdade. Por conseguinte, existe a necessidade encontrar maneiras de garantir esses direitos para qualificar vida a esses anos que precisam serem vividos com dignidade.
Fica evidente, a necessidade de seÉ preciso buscar estratégias que coloquem o idoso como coadjuvante no processo de promoção e bem-estar de sua vida, para que possamos tornar real a prática dos conceitos de promoção da saúde, dentro de um ambiente saudável e seguro., meta que hoje é um grande desafio para os profissionais gerontólogos que se preocupam com esta problemática.
Entende-se que este forma atuar com a terceira idade é uma possibilidade de favorecer a melhoria da qualidade de vida desta população. Além disto, oferece aos profissionais de enfermagem e acadêmicos, como também voluntários que desenvolvem ações de atenção ao idoso do grupo Semente da Amizade, a oportunidade de ampliar conhecimentos e atuar forma diversificada e diferenciada e que foge dos padrões convencionais, em que o modelo atenção a saúde prioriza mais os aspectos patológicos, esquecendo-se que somos seres holísticos.
Nesta proposta estamos focalizando o idoso, e como tal devem ser vistos e assistidos, na sua totalidade e singularidade como ser no mundo. Assim, partindo desta experiência observa-se a importância de criar espaços com novas alternativas de atendimento ao idoso, na busca de auxiliá-los nas suas necessidades, acreditando em suas potencialidades, no que fizeram e, também, no que podem realizar.
Coloca-se em evidência que a Constituição Brasileira de 1988, em seu artigo 230 que ressalta: “ A família , a sociedade e o Estado têm dever de amparar as pessoas idosas, assegurando sua participação na comunidade, defendendo sua dignidade e bem-estar e garantido-lhe o direito a vida”.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CAROLINE DE LEON LINCK4
DAIANE MENDES NUNES
DAIANE MENDES NUNES
MARILU CORREA SOARES2
MARTINA DA SILVEIRA LEITE

Página gerada em 14/08/2020 10:17:16 (consulta levou 0.078935s)