Nome do Projeto
Prototipando Pós Pandemia - formação complementar para disciplinas práticas de circuitos digitais
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
12/08/2022 - 09/12/2022
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra
Resumo
O período da Pandemia do COVID-19 impôs uma série de desafios, principalmente na tradicional metodologia de ensino presencial. Entre estes desafios cita-se a realização de disciplinas com atividades práticas que exigem o encontro de alunos, professores e/ou técnicos administrativos para uso de equipamentos específicos em laboratórios. Tais atividades foram adaptadas com o uso de ferramentas e ambientes de simulação (Tecnologias da Informação e Comunicação - TICs) que proporcionam uma oportunidade de ensino-aprendizagem alternativa para que as aulas não tivessem um total prejuízo. Assim, este projeto de ensino tem por objetivo proporcionar aos alunos que já cursaram disciplinas práticas na modalidade remota, uma formação complementar através da realização das atividades práticas com os equipamentos e dispositivos que foram restringidos durante a pandemia. Especificamente, o projeto visa atender as disciplinas formativas na área de hardware envolvendo o projeto e prototipação de circuitos digitais. Com isso pretende-se atingir as seguintes metas: (i) garantir que os alunos interessados que cursaram disciplinas práticas de circuitos digitais tenham a mesma oportunidade de aprendizagem que os demais alunos; (ii) oportunizar aos alunos do ensino remoto a possibilidade de manipular placas de prototipação, kits educacionais de desenvolvimento de projetos e desenvolver protótipos de circuitos digitais. Ao final do projeto, espera-se que os alunos tenham uma melhor compreensão do projeto de circuitos digitais e suas finalidades no projeto de circuitos computacionais.

Objetivo Geral

Este projeto de ensino tem por objetivo proporcionar aos alunos que cursaram disciplinas práticas na modalidade remota, uma formação complementar através da realização das atividades práticas com os equipamentos e dispositivos que foram restringidos durante a pandemia. Especificamente, o projeto visa a atender as disciplinas formativas na área de hardware dos cursos de Ciência da Computação e Engenharia de Computação envolvendo o projeto e prototipação de circuitos digitais. Neste semestre o projeto será limitado as atividades práticas referentes a disciplina de Circuitos Digitais-II do curso de Engenharia de Computação.

Justificativa

As restrições causadas pela pandemia do COVID-19 impuseram uma série de desafios, principalmente na tradicional metodologia de ensino presencial. Entre estes desafios cita-se a realização de disciplinas com atividades práticas que exigem o encontro de alunos, professores e/ou técnicos administrativos para uso de equipamentos específicos em laboratórios. Tais atividades foram adaptadas com o uso de ferramentas e ambientes de simulação que proporcionam uma oportunidade de ensino-aprendizagem alternativa para que as aulas não tivessem um total prejuízo.

Metodologia

Este projeto deve adotar a mesma metodologia de ensino prevista das disciplinas curricularizadas. As aulas são expositivas com o apoio de slides e projetor. Durante as aulas são apresentados problemas exemplos para que a solução seja construída em conjunto com os alunos. Ao final, implementa-se a solução em linguagem de descrição de hardware e conclui-se a atividade com a realização do protótipo na plataforma disponível na UFPel, Kit Educacional Altera DE2 - 70. Os alunos aprendem como realizar a escolha e restrição de pinos para viabilizar a prototipação. Os alunos comprovam o funcionamento gerando combinações em chaves disponíveis na plataforma e os resultados são analisados com a ajuda de LEDs, displays 7 segmentos e LCDs. As atividades práticas devem ocorrer no mesmo horário das aulas práticas curriculares de Circuitos Digitais-II/2022-1.

Indicadores, Metas e Resultados

Com o desenvolvimento deste projeto pretende-se atingir as seguintes metas: (i) garantir que todos os alunos que cursaram disciplinas práticas de circuitos digitais em modo remoto tenham a mesma oportunidade de aprendizagem que os demais alunos; (ii) Complementar a aprendizagem dos alunos do ensino remoto com a capacidade de desenvolver protótipos de circuitos em placas de prototipação baseadas em FPGAs; (iii) conhecer e manipular plataformas de prototipação de circuitos digitais baseadas em FPGAs bem como ler e compreender manuais do usuário destinados ao uso de tais plataformas. Deste modo, a expectativa é de mitigar os prejuízos de ensino-aprendizagem causados pela pandemia, garantindo que os alunos aprovados no ensino remoto tenham as mesmas oportunidades dos demais.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
JULIO CARLOS BALZANO DE MATTOS1
MAURICIO RANIERE TAVARES LEITZKE
RAFAEL IANKOWSKI SOARES1
WELLINGTON GOMES MACHADO

Página gerada em 20/05/2024 05:17:32 (consulta levou 0.144077s)