Nome do Projeto
Ações no Museu de Arte Leopoldo Gotuzzo
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
01/01/2017 - 31/12/2017
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes
Eixo Temático (Principal - Afim)
Cultura / Educação
Linha de Extensão
Artes visuais
Resumo
Ações voltadas para a comunidade e relacionadas com as exposições do acervo, exposições temporárias e também com atividades relacionadas às artes visuais: capacitação de professores, mediação de exposições, seminários e palestras sobre história da arte, workshops, oficinas e cursos de técnicas artísticas e a capacitação profissional dos discentes UFPel.

Objetivo Geral

- Disponibilizar o espaço do MALG para a comunidade como espaço artístico/pedagógico

Justificativa

O Museu de Arte Leopoldo Gotuzzo é o único museu de Artes Visuais em Pelotas. Inaugurado em 1986, o MALG é ligado ao Centro de Artes da Universidade Federal de Pelotas. Sua missão está associada à conservação e divulgação da produção do pintor gaúcho e pelotense Leopoldo Gotuzzo e à produção e comunicação de conhecimento em artes visuais. O acervo possui mais de 3.000 obras divididas em sete coleções: Coleção Leopoldo Gotuzzo, Coleção Escola de Belas Artes, Coleção Dr. João Gomes de Mello, Coleção Faustino Trápaga, Coleção L.C. Lessa Vinholes, Coleção Século XX e Coleção Século XXI.
Encontra-se em exposição permanente objetos e obras do artista, além de exposições temporárias das obras pertencentes às coleções do Museu e de artistas convidados e exposições em parceria com outros artistas e instituições.
O projeto busca promover a aproximação do público com o Museu e com as atividades desenvolvidas em seu espaço. Da mesma forma, objetiva oferecer para a comunidade cursos, oficinas, seminários, formação e atendimento ao público, capacitação profissional dos discentes da Universidade, assim como formação continuada para os professores da rede de ensino da cidade e tem por fio condutor o acervo do MALG e as artes visuais. Buscando, desta forma, aproximar cada vez mais a comunidade pelotense do Museu, de suas atividades e de seu acervo.

Metodologia

Serão realizadas reuniões periódicas com a equipe do museu e com os coordenadores dos projetos de extensão atuantes no MALG, assim como com os discentes e servidores nele envolvidos, a fim de estruturar um cronograma de atividades alinhado com programação anual do Museu. Ao longo do ano serão realizadas 4 exposições com o acervo do patrono e 4 exposições temporárias de artistas convidados e/ou Instituições parceiras. Cada uma dessas ações apresentará um leque de atividades em consonância com a proposta da exposição: formação de professores no período que antecede a abertura das mostras, formação de mediadores para atendimento ao público, realização de cursos, oficinas e seminários em consonância com a programação. Além de estruturar um plano de atividades dessas ações previamente, serão realizadas reuniões periódicas para avaliação das atividades desenvolvidas e confecção de relatórios sobre as atividades realizadas.

Indicadores, Metas e Resultados

Anualmente, o MALG recebe mais de 4.000 visitantes. Porém, acreditamos que seja possível aproximar ainda mais a população do espaço do Museu.
Em 2014, 2015 e 2016 participamos de atividades promovidas pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM) como a Semana de Museus e a Primavera de Museus; e de atividades propostas pela Secretaria Municipal de Cultura de Pelotas (Dia do Patrimônio e Virada Cultural). A participação foi através de propostas realizadas pela equipe do Museu e justamente buscavam a aproximação do público com as exposições, as atividades e e com ações educativas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
DANIEL RODRIGUES MOURA
JULIANA CORREA HERMES ANGELI2

Página gerada em 02/07/2022 15:08:35 (consulta levou 0.095483s)