Nome do Projeto
Uma análise da qualidade percebida dos serviços ofertados pelas feiras livres orgânicas do municipio de Pelotas/RS.
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
13/03/2023 - 31/03/2026
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas
Resumo
A presente pesquisa tem como objetivo analisar o nível de satisfação dos consumidores em relação à qualidade dos serviços prestados pelas feiras livres de alimentos orgânicos do município de Pelotas. Nesse sentido, será realizada uma pesquisa de caráter exploratório-quantitativo tendo como instrumento de pesquisa um questionários baseado no instrumento SERVQUAL, desenvolvido por Parasuraman et al. (1988), com o intuito de identificar as lacunas (gap´s) existentes entre o serviço esperado (expectativa) e o serviço percebido (desempenho) pelo público dessas feiras em cada uma das dimensões de qualidade: Confiabilidade, Responsividade, Empatia, Segurança e Tangilbilidade. Para garantir a confiabilidade instrumento aplicado, e análise dos resultados, será utilizado o coeficiente alfa de Cronbach, técnicas de estatística descritiva, análise fatorial e análise da regressão linear múltipla. O universo da pesquisa é formado pelo público das feiras livres de alimentos orgânicos do município de Pelotas/RS. Espera-se com o presente trabalho, identificar as dimensões de qualidade em que os serviços prestados pelas feiras superam as expectativas dos clientes, assim como, as dimensões de qualidade que estão aquém da expectativa esperada. O trabalho tem a relevância de apresentar o nível atual da satisfação dos clientes referente a qualidade dos serviços prestados pelas feiras orgânicas, servindo de ferramenta de gestão da qualidade, e também como bússola para ações futuras desses comerciantes, ao buscarem melhor atender às expectativas do público.

Objetivo Geral

O objetivo geral deste trabalho é mensurar o desempenho dos serviços prestados pelas das feiras livres de alimentos orgânicos do municipio de Pelotas/RS.

Justificativa

Ainda são poucos os trabalhos, encontrados na academia, voltados à qualidade dos serviços e a satisfação dos consumidores no segmento de orgânicos no Brasi. Em contraponto, o mercado de orgânicos tem crescido exponencialmente nos últimos vinte anos. Dados recentes divulgados pelo Ministério da Agricultura e Pecuária e Abastecimento (MAPA), retratam que de 2012 à 2019, o número de produtores de orgânicos cadastrados no Brasil praticamente triplicou; passando de 5.934 em 2012, para 17.730 no ano de 2019.
O cenário apresentado pelo MAPA demonstra a necessidade de a academia ampliar sua atenção voltada para este novo segmento, buscando assim, melhor entender sua dinâmica, produtos, consumidores e ambiente.
O presente trabalho busca assim, contribuir nesses sentido, ao analisar a qualidade dos serviços prestados pelas feiras de alimentos orgânicos do municipio de Pelotas/RS, e a partir de seus resultados, retratar o nível de relação existente entre os dois atores principais desse mercado: seus produtores e seus consumidores.
Serve assim o estudo, como ferramenta de gestão social da qualidade e como instrumento de aporte comercial aos produtores de orgânicos, primeiramente por buscar identificar a satisfação de seus consumidores; e em um segundo momento, por trazer esse novo segmento de mercado para o centro do debate.

Metodologia

Será realizada uma pesquisa de caráter exploratório-quantitativo tendo como instrumento de pesquisa um questionários baseado no instrumento SERVQUAL, desenvolvido por Parasuraman et al. (1988), com o intuito de identificar as lacunas (gap´s) existentes entre o serviço esperado (expectativa) e o serviço percebido (desempenho) pelo público dessas feiras em cada uma das dimensões de qualidade: Confiabilidade, Responsividade, Empatia, Segurança e Tangilbilidade.

Para garantir a confiabilidade instrumento aplicado, e análise dos resultados, será utilizado o coeficiente alfa de Cronbach, técnicas de estatística descritiva, análise fatorial e análise da regressão linear múltipla.

O universo da pesquisa é formado pelo público das feiras livres de alimentos orgânicos do município de Pelotas/RS.

Indicadores, Metas e Resultados

Espera-se com o presente trabalho, identificar as dimensões de qualidade em que os serviços prestados pelas feiras superam as expectativas dos clientes, assim como, as dimensões de qualidade que estão aquém da expectativa esperada. O trabalho tem a relevância científica por apresentar o nível atual da satisfação dos clientes referente a qualidade dos serviços prestados pelas feiras orgânicas, servindo de ferramenta de gestão da qualidade, e também como orientação para ações futuras desses comerciantes, ao buscarem melhor atender às expectativas do público.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CLAURE MORRONE BARBAT PARFITT6
FABIANO LUIZ OLIVEIRA PINHO
LORRANA MENARE DA SILVA
NADIA CAMPOS PEREIRA BRUHN12

Página gerada em 23/02/2024 07:52:10 (consulta levou 0.133924s)