Nome do Projeto
Construção de um modelo de calibração para determinação poder calorífico de biomassas por espectroscopia de infravermelho próximo
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
08/05/2023 - 31/12/2026
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Engenharias
Resumo
bioenergia é uma alternativa sustentável de grande interesse, pela disponibilidade de biomassas, s como palhas, cascas, serragens. A utilização de biomassa como combustível sólido, principalmente de resíduo representam baixas emissões de CO2 em relação a combustíveis de origem fóssil. A conversão termoquímica da biomassa, O conhecimento das propriedades e características térmicas é fundamental para viabilização do seu uso energético. O presente projeto visa desenvolver curvas de calibração para determinação de poder calorífico de biomassas visando o uso para produção de energia.

Objetivo Geral

Determinar através de análise de referência, via calorímetro, o poder calorímetro de biomassas;
Analisar os espectros amostrais via espectroscopia de infravermelho próximo- NIR;
Desenvolver curvas de calibração para poder calorifico de biomassas.

Justificativa

Embora palhas, folhas, cascas e colmos sejam biomassas amplamente disponíveis, sendo considerada na maioria dos cultivos um resíduo, seu uso como combustível sólido ainda é limitado, porém estes tem um grande potencial de aproveitamento térmico e ainda sue uso energético apresenta a vantagem ambiental de redução de resíduos agrícolas e industriais.

Metodologia

As biomassas serão coletadas, secas, picadas, peneiradas e uniformizadas para posterior análises. todo o preparo das amostras serão realizados em parceria com a Embrapa Clima temperado. As amostras serão analisadas no laboratório de Bioenergia/Ceng para determinação de poder calorífico superior- PCS em calorímetro IKA C200, sendo 2 repetições para cada material. Determinação de teor de umidade será realizado para determinação do poder calorífico útil -PCU.

Indicadores, Metas e Resultados

Desenvolvimento de curvas de calibração visando otimização na determinação do PCS em biomassas o que será de grande importância na avaliação do potencial energético das mesmas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADRIANA GONCALVES DA SILVA MANETTI2
CLAUDIA FERNANDA LEMONS E SILVA5
JULIANA SILVA LEMÕES
KEYLA FAGUNDES TEIXEIRA
MATEUS XAVIER DA SILVA
Marília Lazarotto2
PATRICIA OLIVEIRA SCHMITT
RAFAELA MELLO VITACA
RUBIA FLORES ROMANI2
VANESSA SACRAMENTO CERQUEIRA2

Página gerada em 21/04/2024 14:14:36 (consulta levou 0.174195s)