Nome do Projeto
Contravisualidades e Formação Docente – emergências e contingências nas práticas pedagógicas em artes visuais
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
29/05/2023 - 01/08/2025
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes
Resumo
Busca compreender a presença das visualidades e contravisualidades nas práticas pedagógicas das/os professoras/es de Artes Visuais, a partir de seus relatos, no que tange à importância atribuída às imagens em seus fazeres docentes cotidianos. A questão norteadora de pesquisa é: Como as visualidades e contravisualidades se apresentam e que sentidos são atribuídos a elas nas práticas pedagógicas das/os professoras/es de Artes Visuais? Como objetivos específicos proponho: realizar estudos e revisões teóricas atinentes aos campos da Cultura Visual e Formação Docente em Artes Visuais, identificar visualidades e contravisualidades utilizadas nas práticas escolares e compreender as motivações das/os professoras/es para realizar a curadoria educativa das imagens. A metodologia foca em entrevistas narrativas, narrativas com imagens, observações de aulas, dentre outras possibilidades, buscando contribuir com os estudos da Cultura Visual relacionados à formação docente, possibilitando uma maior compreensão das visualidades que circulam e são utilizadas nas salas de aula, como também observar as formas de curadoria educativa e exercício do “direito de olhar” na educação.

Objetivo Geral

Compreender como as visualidades e contravisualidades se apresentam e que sentidos são atribuídos a elas nas práticas pedagógicas das/os professoras/es de Artes Visuais.

Justificativa

A pesquisa visa contribuir com os estudos da Cultura Visual relacionados à formação docente, permitindo uma maior compreensão das visualidades que circulam nas salas de aula, seus usos e formas de curadoria educativa no exercício do “direito de olhar” na educação, visibilizando narrativas e práticas pedagógicas de professoras/es, com o objetivo de valorizar o que tem sido construído pela docência, como também, ampliar as discussões sobre a presença das imagens na vida contemporânea e sua consequente utilização nas salas de aula.

Metodologia

Qualitativa, foca em entrevistas narrativas, narrativas com imagens, observações de aulas, dentre outras possibilidades, considerando o objetivo proposto.

Indicadores, Metas e Resultados

A investigação acerca das visualidades e contravisualidades presentes nas práticas de ensino realizadas pelos professores, propiciando o conhecimento e a reflexão nas trocas acadêmicas/escolares visam contribuir para o campo da formação de professores(as).

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALESSANDRA GURGEL PONTES
FABIANA LOPES DE SOUZA
JOSENILDO SANTOS DE SOUZA
LIZIANE ALDRIGHI LEMOS
MARIANA JUNQUEIRA DE CAMARGO
MARISTANI POLIDORI ZAMPERETTI6
RAFAEL DA SILVA GONCALVES
RUAN SCOTTO DOS SANTOS AMORIM

Página gerada em 20/04/2024 04:41:52 (consulta levou 0.147698s)