Nome do Projeto
ARP-UFPEL
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
01/05/2017 - 31/12/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas
Eixo Temático (Principal - Afim)
Cultura / Educação
Linha de Extensão
Desenvolvimento Rural e Questão Agrária
Resumo
ARP-UFPEL é projeto de extensão que contempla atividades técnicas, científicas e culturais na Associação Rural de Pelotas (ARP), especialmente no evento Expofeira, com vistas ao desenvolvimento de ações voltadas para o treinamento de recursos humanos, desenvolvimento de difusão de tecnologia, exposições, editoração e publicação, planejamento e desenvolvimento institucional abrangendo as áreas de ensino (semanas acadêmicas), pesquisa, extensão e inovação.

Objetivo Geral

1. Propor e desenvolver projetos técnicos, científicos e culturais entre os convenentes;
2. Disponibilizar o espaço físico, equipamento e instrumentos, quando disponíveis, para a execução de projetos propostos;
3. Viabilizar recursos humanos, docentes, discentes e técnico-administrativos, quando necessário, para a execução de projetos propostos;
4. Produzir, dar acesso e distribuir materiais culturais/científicos resultantes dos projetos desenvolvidos.

Projeto para ações e, consequentes, atividades da UFPEL na 91 Expofeira. A partir da execução das Semanas Acadêmicas da Agronomia, Zootecnia, ..... apacitação técnica, artísticas e culturais das potencialidades da comunidade discente, docente e tecnica-administrativa da UFPEL a partir da interação com a comunidade

Justificativa

A Universidade Federal de Pelotas, comprometida com a construção e o progresso da sociedade, a partir das áreas de Artes (que envolvem ações técnicas e culturais) e das Agrárias (que envolvem ações técnicas e de ensino), visando promover a formação extensionista qualificada, justifica o presente projeto por, através dele, favorecer a integração e a permanente qualificação do seu corpo docente, discente e técnico-administrativo junto a Associação Rural de Pelotas (ARP), instituição reconhecida pelas comunidades da zona sul como uma promotora do desenvolvimento sustentável, com Expofeiras que atendem as necessidades regionais em padrão internacional de qualidade, através de seu parque modelo, configurando a efetiva possibilidade de interação interinstitucional e o consequente desenvolvimento social,

Metodologia

A partir do diálogo conjunto entre as instituições desenvolvidas, o método empregado prevê articular as transversais de: identificação das possibilidades de ações, diretamente relacionadas as especificidades da áreas que abrange e, respectivamente, a eleição de propostas exequíveis; classificação e normatização para o aproveitamento dos recursos técnicos, de infra-estrutura e de pessoal; e, verificação/análise dos resultados a partir de avaliações coletadas durante a execução das propostas elegidas.

Indicadores, Metas e Resultados

- Número de ações/atividades envolvendo agentes desenvolvedores da comunidade interna da UFPEL;
- Qualificação do conhecimento técnico, científico e cultural;
- Mapeamento do alcance das atividades à comunidade em geral;
- Integração interinstitucional;
- Formação de público para o ensino, pesquisa, extensão e inovação universitária;
- Publicação;
- Transformação social a partir do exercício de educação e cultura.

Página gerada em 08/12/2019 03:54:55 (consulta levou 0.081014s)