Nome do Projeto
Desenvolvimento de sistema de georreferenciamento de baixo custo para aplicações agrícolas
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
03/10/2023 - 03/10/2027
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Engenharias
Resumo
O avanço tecnológico na área agrícola é muito grande atingindo em grande parte as grandes propriedades. A agricultura familiar é carente de desenvolvimentos e soluções específicas em relação a mecanização agrícola. Devido a grande mão de obra e esforço físico exigido nas atividades desenvolvidas em propriedades agrícolas familiares e com a grande redução nos custos de componentes elétricos/eletrônicos pretende-se através das metodologias de desenvolvimento de produtos, desenvolver o projeto de um protótipo de circuito capaz de acessar os dados de GPS via satélite, e salvar, criando bancos de dados, que podem ser futuramente processados a ser utilizado na agricultura familiar.

Objetivo Geral

Desenvolver sistema de georreferenciamento para aplicações agrícolas

Justificativa

Os sistemas de eletrônica embarcada tem grande relevância quando tratamos sobre o avanço tecnológico na agricultura e sobre a coleta e condicionamento de dados da agricultura de precisão. Estes sistemas operam empregando microprocessadores, sensores, componentes e circuitos eletrônicos e permitem o georreferenciamento de veículos agrícolas, mapeamento da produção, aplicação controlada de insumos por taxa variável, entre outras aplicações.
Para possibilitar o georreferenciamento de atividades agrícolas é indispensável a instrumentação destes equipamentos com sensores, que irão permitir a coleta de dados do ambiente em que a máquina se encontra e, com estas informações, acionar atuadores para a execução das tarefas. No ambiente agrícola encontra-se uma série de condições adversas como umidade, poeira, radiação solar, fatores climáticos entre outros.
O constante progresso proporcionado pela inovação tecnológica por meio da eletrônica embarcada em máquinas e equipamentos agrícolas é substancial para o crescimento do setor. Porém no Brasil 23% das propriedades são de
agricultores familiares e apenas em 14% destas propriedades é mecanizada e o acesso a equipamentos com eletrônica embarcada ainda é inexpressivo. Partindo deste fato, reconhecemos a importância do desenvolvimento de sistemas eletrônicos de baixo custo para possibilitar que essa tecnologia de sistema de georreferenciamento
possa contemplar ao pequeno agricultor.

Metodologia

O trabalho será realizado utilizando uma metodologia de gestão de desenvolvimento de produtos baseada em um modelo que divide o processo do projeto em quatro fases principais: projeto informacional, projeto conceitual, projeto detalhado e preparação da produção do produto.
No início, o projeto informacional trata da aquisição e transformação de informações. Nesta fase, as exigências do produto devem ser atendidas para atender às necessidades do projeto estabelecidas na declaração do problema. Os requisitos, são as especificações que evoluiriam de acordo com as informações coletadas.
Na fase de projeto conceitual, o produto será modelado em termos de suas funções. Para isso, inicialmente deve ser definida a função principal do produto, que é então desdobrada em várias estruturas de funções do produto até que uma seja selecionada. Para cada uma dessas alternativas geradas, é definida uma arquitetura, contendo a estrutura do produto em termos dos componentes e suas conexões. Tais arquiteturas desenvolvidas darão origem a conceitos que em breve irão para um processo seletivo, que apontará o que melhor atende às especificações e outros critérios de escolha. O desenho obtido expressará uma descrição aproximada das tecnologias, princípios de operação e formas de um produto, geralmente expressa através de um esquema tridimensional ou modelo que seria acompanhado de uma explicação textual. É uma descrição concisa de como o produto atenderá às necessidades necessárias.
Nas duas últimas fases de projeto detalhado e preparação da produção do produto que compreende as etapas da estrutura de funcionamento ou da solução inicial, até a construção clara e completa da estrutura do produto, os aspectos tecnológicos e econômicos apresentam papel preponderantes. O produto desenvolvido por meio da representação em escala e examinado rigorosamente é concluído por uma avaliação técnica e econômica. Nestas fases da metodologia os sistemas, subsistemas e componentes (SSCs) são determinados de maneira clara e completa, segundo critérios técnicos e econômicos. Na qual, partindo da concepção selecionada é construído o protótipo do produto, testado e determinada a viabilidade econômica

Indicadores, Metas e Resultados

O resultado esperado é obter o projeto detalhado do sistema de georreferenciamento para aplicações agrícolas, com baixa complexibilidade de uso, baixo custo e adaptável a diferentes situações agrícolas.
O impacto esperado é que a tecnologia gerada possibilite por parte de pequenos agricultores o uso de sistemas de georreferenciamento para aplicações agrícolas, aumente os ganhos e incentive a permanência no campo aumentando a sucessão familiar.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANTONIO LILLES TAVARES MACHADO6
CARLOS RICARDO TREIN2
DIONATAN LEONARDO LAMARQUE LUGOCH
Daniel Hosser Hall
EDUARDA DA SILVA FERREIRA
MANOEL HOSSER
MATEUS BECK FONSECA3
Marlon Soares Sigales3
NIXON DA ROSA WESTENDORFF3
Paulo Elias Borges Rodrigues
RANIERI PINZ NASCENTE
ROBERTO LILLES TAVARES MACHADO5

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPES / Coordenação de Aperfeiçoamento de Nível SuperiorR$ 10.000,00Coordenador

Plano de Aplicação de Despesas

DescriçãoValor
339018 - Auxílio Financeiro a EstudantesR$ 10.000,00

Página gerada em 17/04/2024 23:07:56 (consulta levou 0.228001s)