Nome do Projeto
Educação ambiental nas Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis do Município de Pelotas/RS
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
19/02/2024 - 17/01/2028
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Multidisciplinar
Eixo Temático (Principal - Afim)
Meio ambiente / Educação
Linha de Extensão
Educação Ambiental
Resumo
Ações de educação ambiental junto às Cooperativas de Catadores oferece uma oportunidade para fortalecer as iniciativas de desenvolvimento sustentável no município de Pelotas. A promoção conhecimento, informação acerca da sustentabilidade nas Cooperativas de Catadores não apenas contribui para a gestão adequada de resíduos, mas também desempenha um papel crucial na formação e inclusão do Catador, promovendo a qualidade de vida nos espaços de trabalho, almejando uma sociedade mais justa, alinhada aos princípios da Agenda 2030 da ONU.

Objetivo Geral

Desenvolver ações de educação ambiental junto aos catadores de materiais recicláveis, visando a formação e conhecimento em relação cadeia da gestão dos resíduos alinhados aos princípios dos objetivos para o desenvolvimento sustentável, visando a qualidade de dos trabalhadores, o exercício da cidadania e a sustentabilidade do meio ambiente.

Justificativa

A implementação de um projeto de Educação Ambiental nas Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis em Pelotas/RS é crucial para promover a conscientização e a capacitação desses profissionais, contribuindo para a sustentabilidade ambiental, o fortalecimento das cooperativas e a melhoria da qualidade de vida da comunidade.
Em síntese, o projeto de Educação Ambiental nas Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis em Pelotas/RS é uma iniciativa estratégica e necessária para promover a sustentabilidade, a inclusão social e o desenvolvimento econômico local. Este projeto não apenas beneficiará os catadores, mas terá um impacto positivo duradouro na comunidade e no meio ambiente como um todo.

Metodologia

A metodologia adotada para a implementação do projeto de Educação Ambiental nas Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis em Pelotas/RS é cuidadosamente elaborada para garantir eficácia, participação ativa e resultados sustentáveis. O projeto busca integrar teoria e prática, capacitando os catadores e promovendo uma mudança significativa no manejo de resíduos sólidos. A seguir, destacamos os principais elementos da metodologia:

Diagnóstico Participativo:

Inicia-se com um diagnóstico participativo, envolvendo os próprios catadores, membros da comunidade e especialistas em gestão ambiental. Esse levantamento de dados identifica as necessidades específicas das cooperativas, permitindo uma abordagem personalizada.

Oficinas e Palestras Interativas:

São conduzidas oficinas e palestras interativas, utilizando recursos visuais, materiais didáticos e práticas demonstrativas. Esse método visa engajar os participantes de maneira dinâmica, facilitando a compreensão dos conceitos ambientais e técnicas de reciclagem.

Capacitação Técnica:

A capacitação técnica abrange aspectos práticos da separação, classificação e armazenamento adequado de materiais recicláveis. Especialistas e profissionais do setor são convidados para compartilhar conhecimentos específicos, proporcionando aos catadores habilidades aprimoradas e alinhadas com as melhores práticas.

Visitas Técnicas:

Visitas técnicas são organizadas para que os catadores tenham contato direto com boas práticas ambientais em cooperativas bem-sucedidas. Essas experiências práticas fortalecem o aprendizado e inspiram a implementação de melhorias nas próprias cooperativas.

Desenvolvimento de Material Educativo:

Um material educativo específico é desenvolvido para servir como guia contínuo de referência. Esse material inclui informações sobre legislação ambiental, técnicas de reciclagem e dicas práticas para aprimorar a eficiência operacional das cooperativas.

Integração com a Comunidade:

O projeto é concebido como uma iniciativa integradora, promovendo a interação entre as cooperativas e a comunidade local. A realização de eventos públicos, como feiras e palestras abertas, estimula a conscientização ambiental em toda a região.

Avaliação Contínua e Feedback:

Implementa-se um sistema de avaliação contínua, incluindo momentos de feedback com os participantes. Esse processo é fundamental para ajustes na metodologia, garantindo que as necessidades específicas das cooperativas sejam atendidas de maneira eficaz.

Monitoramento Pós-Implementação:

Após a conclusão das atividades, um programa de monitoramento é estabelecido para acompanhar a implementação prática das aprendizagens. Esse monitoramento garante que as melhorias sustentáveis permaneçam ao longo do tempo.

A metodologia do projeto de Educação Ambiental nas Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis em Pelotas/RS reflete um compromisso com a eficácia, a sustentabilidade e a inclusão, visando não apenas melhorar as condições de trabalho dos catadores, mas também promover uma cultura ambientalmente consciente na comunidade local.

Indicadores, Metas e Resultados

Indicadores de Desempenho:

Participação Ativa:

Indicador: Taxa de participação nas oficinas e palestras.
Meta: Alcançar uma participação de 90% dos catadores das cooperativas envolvidas.
Resultado Esperado: Maior engajamento e compreensão por parte dos catadores em relação às práticas sustentáveis.

Capacitação Técnica:

Indicador: Nível de aprimoramento técnico dos catadores.
Meta: Elevar em 30% a capacidade técnica em relação à separação e classificação de materiais recicláveis.
Resultado Esperado: Melhoria significativa na eficiência operacional das cooperativas, refletindo-se em um aumento na qualidade dos materiais recicláveis.

Integração com a Comunidade:

Indicador: Participação da comunidade em eventos públicos.
Meta: Envolver, no mínimo, 500 membros da comunidade em feiras, palestras e outros eventos relacionados ao projeto.
Resultado Esperado: Conscientização ambiental disseminada na comunidade, promovendo uma mudança de comportamento em relação à gestão de resíduos.
Metas de Sustentabilidade:

Redução de Resíduos Desviados para Aterros Sanitários:

Meta: Diminuir em 20% a quantidade de resíduos recicláveis enviados para aterros sanitários.
Resultado Esperado: Contribuir para a redução do impacto ambiental e promover a sustentabilidade por meio do aumento da reciclagem.

Fortalecimento das Cooperativas:

Meta: Aumentar em 15% a renda média dos catadores nas cooperativas participantes.
Resultado Esperado: Melhoria das condições socioeconômicas dos catadores, fortalecendo as cooperativas como agentes de transformação social e ambiental.

Implementação de Práticas Sustentáveis:

Meta: Introduzir práticas sustentáveis em pelo menos 80% das cooperativas envolvidas.
Resultado Esperado: Estabelecer um modelo de gestão sustentável nas cooperativas, que sirva como referência para outras iniciativas na região.

Resultados a Longo Prazo:

Conscientização Permanente:

Indicador: Manutenção de programas educacionais após a conclusão do projeto.
Meta: Garantir a continuidade de pelo menos 70% das atividades educacionais nas cooperativas após o término do projeto.
Resultado Esperado: Consolidação de uma cultura ambientalmente consciente e sustentável nas cooperativas a longo prazo.

Influência nas Políticas Públicas:

Indicador: Inclusão de práticas sustentáveis em políticas municipais.
Meta: Contribuir para a adoção de práticas sustentáveis em pelo menos duas políticas públicas relacionadas à gestão de resíduos sólidos.
Resultado Esperado: Impacto positivo na esfera governamental, promovendo mudanças estruturais favoráveis à gestão sustentável de resíduos.
O projeto de Educação Ambiental nas Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis em Pelotas/RS busca não apenas atingir metas quantitativas, mas também gerar resultados tangíveis e sustentáveis que promovam uma transformação positiva nas práticas ambientais, econômicas e sociais das cooperativas e da comunidade em geral.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
AMANDA MORAIS GRABIN
ANA CLARA MARINS MENDES
ANDREA SOUZA CASTRO2
D'ANDRÉA ZAMPIERI MARMITT
DIULIANA LEANDRO2
ERICO KUNDE CORREA1
FABIANA FERNANDES DOS SANTOS
GABRIEL AFONSO MARTINS5
ISADORA RASERA SILVEIRA
KETELLEN NUNES TRINDADE
LAIE RODRIGUES PORTO FERREIRA
LICIANE OLIVEIRA DA ROSA
LUCAS LOURENÇO CASTIGLIONI GUIDONI
LUCIARA BILHALVA CORREA2
MARCELA PLAMER LARROSSA
MAURIZIO SILVEIRA QUADRO1
Marília Lazarotto2
Paula Burin
ROBSON ANDREAZZA1
RUBIANE BUCHWEITZ FICK
SUÉLEN DE OLIVEIRA FIGUEIREDO GARCIA

Página gerada em 25/05/2024 20:17:46 (consulta levou 0.222320s)