Nome da Disciplina
EXTENSÃO RURAL
CÓDIGO
01180035
Carga Horária
30 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
2
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
1
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
1
CRÉDITOS
2
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

O cenário internacional do agronegócio. A estrutura e organização do sistema agroindustrial. A política agrícola no Brasil. O desenvolvimento rural brasileiro e a realidade da agricultura brasileira. A contextualização da extensão rural no Brasil. Comunicação rural. Metodologia e planejamento em extensão rural. Enfoques contemporâneos em extensão rural.

Objetivos

Objetivo Geral:

Estudar os conteúdos necessários para que os alunos possam atuar de forma consistente e criativa no desenvolvimento rural, levando em consideração os aspectos econômicos, sociais e culturais da realidade brasileira e internacional.

 

Objetivos Específicos:

1.Conhecer os conceitos fundamentais sobre a estrutura e organização das cadeias produtivas e dos mercados no agronegócio;
2.Estudar os processos de formulação e os instrumentos de política agrícola que possibilitam a inserção competitiva do agronegócio nos mercados nacional e internacional;
3.Possibilitar a compreensão do papel da Extensão Rural no processo de desenvolvimento da agropecuária brasileira e as suas relações com as demais políticas públicas;
4.Identificar e apreender os modelos teóricos da geração e transferência de tecnologia e a vinculação com as questões relacionadas à comunicação; metodologia e planejamento em Extensão Rural;
5.Interpretar e discutir os desafios e as potencialidades do desenvolvimento rural, ressaltando elementos como: o enfoque sistêmico e a sustentabilidade nos processos de produção, agroindustrialização e organização da população rural.

Conteúdo Programático

UNIDADE I - O CENÁRIO INTERNACIONAL DO AGRONEGÓCIO
1.1-A globalização da economia e o agronegócio.
1.2-O acordo agrícola na OMC.
1.3-A política agrícola nos países desenvolvidos.
1.4-A inserção internacional do agronegócio brasileiro.
UNIDADE II - A ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO DO SISTEMA AGROINDUSTRIAL
2.1-Os ambientes institucional e organizacional da economia agrícola.
2.2-As diferentes visões do sistema agroindustrial.
2.3-As dimensões e os agentes do agronegócio.
UNIDADE III - A POLÍTICA AGRÍCOLA NO BRASIL
3.1-A organização institucional da política agrícola: níveis federal, estadual e municipal.
3.2-Os principais instrumentos de política agrícola.
3.3-Mercados futuros de commodities agropecuárias e de opções.
UNIDADE IV - O DESENVOLVIMENTO RURAL BRASILEIRO E A REALIDADE DA AGRICULTURA BRASILEIRA
4.1-O modelo de desenvolvimento brasileiro e suas implicações para a questão agrária
4.2-Os impactos da modernização agropecuária brasileira: elementos para análise
4.3-As perspectivas e os enfoques sobre desenvolvimento rural e agricultura no Brasil
UNIDADE V – A CONTEXTUALIZAÇÃO DA EXTENSÃO RURAL NO BRASIL
5.1-Origens e Histórico da Extensão Rural no Brasil
5.2-Modelos orientadores da Ação Extensionista: modelo clássico e modelo difusionista-inovador
5.3-Modelos contemporâneos orientadores da Extensão Rural
UNIDADE VI – COMUNICAÇÃO RURAL
6.1-O processo de comunicação e sua importância
6.2-O modelo clássico da comunicação rural
6.3-A nova concepção crítica do modelo de comunicação rural
UNIDADE VII – METODOLOGIA E PLANEJAMENTO EM EXTENSÃO RURAL
7.1-O método e sua importância
7.2-Métodos de comunicação e métodos de Extensão Rural
7.3-Métodos em Extensão Rural: classificação, características, uso, limitações
7.4-Importância e princípios básicos do planejamento
UNIDADE VIII – ENFOQUES CONTEMPORÂNEOS EM EXTENSÃO RURAL
8.1-A Extensão Rural e a pobreza rural
8.2-A Extensão Rural e a segurança alimentar
8.3-A Extensão Rural e sustentabilidade

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • BATALHA, Mário O. (Coord.) A gestão agroindustrial. 3.ed. São Paulo:. Atlas, 2008. GEPAI.
  • FONSECA, Maria Tereza. A extensão rural no Brasil: um projeto educativo para o capital. São Paulo: Loyola, 1985.
  • FREIRE, Paulo. Extensão ou comunicação? 4.ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979.

Bibliografia Complementar:

  • ALMEIDA, J. A. Pesquisa em extensão rural: um manual de metodologia. Brasília: MEC/ABEAS, 1989.
  • BORDENAVE, Juan E.D. O que é comunicação rural. São Paulo: Brasiliense, 1983.
  • BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Agrário. Política Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (PNATER). Brasília, 2004.
  • CASAROTTO FILHO, N.; PIRES, L. H. Redes de pequenas e médias empresas e desenvolvimento local: estratégias para a conquista da competitividade global com base na experiência italiana. São Paulo: Atlas, 1999. (Capítulos 2; 3 e 6).
  • JANK, M. S. e JALES, M. A agricultura nas negociações da OMC, ALCA e UE-MERCOSUL: impasses e perspectivas. São Paulo: ICONE, novembro de 2003. 16p.

Turmas Ofertadas

Turma Período Vagas Matriculados Curso / Horários Professores
M1 2019 / 2 12 10 Engenharia Agrícola (Bacharelado)
Horários
ManhãTardeNoite
SEX14:00 - 14:50
14:50 - 15:40
GABRIELITO RAUTER MENEZES
Professor responsável pela turma

ABEL PERINAZZO CASSOL
Professor Regente

PAULO RIGATTO
Professor Regente

MARIO DUARTE CANEVER
Professor Regente

NADIA VELLEDA CALDAS
Professor Regente

FLAVIO SACCO DOS ANJOS
Professor Regente

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
POLÍTICA AGRÁRIA E EXTENSÃO RURAL Engenharia Agrícola (Bacharelado)

Página gerada em 14/11/2019 17:18:22 (consulta levou 0.166860s)