Nome da Disciplina
PSICOLOGIA E FILOSOFIA
CÓDIGO
07960002
Carga Horária
60 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CRÉDITOS
4
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
4
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%

Ementa

Principais autores e concepções da filosofia diante do pensar e agir crítico em psicologia.
Epistemologia e possíveis recursos de intervenção diante de fenômenos psicológicos na cultura contemporânea. Problematização dos dispositivos da relação psicologia e filosofia.

Objetivos

Objetivo Geral:

Desenvolver competências teórico-práticas considerando o potencial crítico da filosofia
aplicado à psicologia como ciência e profissão.

 

Objetivos Específicos:

- Perguntar-se pela história, pela gênese das ideias, pelo contexto que as gerou desvendando, assim, sua trajetória e importância - este é o tema tempo e espaço;
- Perguntar-se sobre os conceitos vigentes e as possibilidades de serem questionados quanto as suas verdades, valores e relevâncias considerando as potencialidades de superação do instituído- este é o tema saber e poder;
- Perguntar-se pela contribuição real ou potencial para repensar/refletir e transformar os modos de subjetivação dominantes que dificultam as linhas autônomas, autogestivas e solidárias- este é o tema da filosofia da psicologia.

Conteúdo Programático

1."QUEM NÃO ESTA CONFUSO ESTA MAL INFORMADO?"
-Impermanência: paradigmas e a Teoria do Conhecimento, as brechas e as frustrações.
Consciência crítica e ingênua.
-A busca antropológica: "a epistemologia de si mesmo” / Histórias significativas
-A epistemologia complexa: ficção cientifica X realidade social
-As conexões imperfeitas: Saber e poder/ tempo e espaço: 2. O PERGUNTAR(SE).OUVIR-SE É IGUAL A VER MELHOR? SABEMOS VER?
-O cogito cartesiano: "Penso logo hesito?"
-A subjetividade contemporânea "o que de mim sou eu mesmo?" A tecnologia. O caos e a ordem.
O normal e o patológico. Aspectos interdisciplinares psicologia e filosofia.

3. RAZÃO E DESRAZAO: o normal e o patológico

4. FUNDAMENTOS DA FILOSOFIA: Sócrates, Platão e Aristóteles- "O que procuramos nós no saber?" ou "Resolver um problema é sempre propor outros"
4.1.RACIONALISMO E EMPIRISMO: "Os cegos do pescoço para cima e os sábios da cintura para baixo" Quem não esta confuso está mal informado.
4.2.O PROBLEMA DOS UNIVERSAIS e a existência de Deus: Santo Agostinho, Santo
Tomas e Guilherme de Ockham. O nominalismo e a discussão atual sobre linguagem.
4.3.O EXISTENCIALISMO. Os condicionamentos. A liberdade e a criatividade. Os
custos da liberdade negada. O engajamento sartreano. Kierkegaard/ Hegel/Heidegger.
4.4.O NEOPOSITIVISMO X Teoria Critica da Escola de Frankfurt.A discussão sobre a filisofia analítica e o humanismo. A gênese Marx-Freud.
4.5.A TRANSMUTAÇÃO DE TODOS OS VALORES: Nietzsche e o ethos Pós-Moderno.
4.6.A SUBJETIVIDADE CONTEMPORÂNEA:
"o que de mim sou eu mesmo?".
A tecnologia. O caos e a ordem. Aspectos interdisciplinares psicologia e filosofia.

5. Trabalho integrador: O POTENCIAL CRÍTICO DA FILOSOFIA APLICADO À PSICOLOGIA COMO CIENCIA E PROFISSÃO.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • CHAUÍ, Marilena. Convite à filosofia. São Paulo: Editora Ática, 1995.
  • DÁMASIO, A. R. O erro de Descartes: emoção, razão e o cérebro humano. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.
  • DÁMASIO, A. R. O erro de Descartes: emoção, razão e o cérebro humano. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.

Turmas Ofertadas

Turma Período Vagas Matriculados Curso / Horários Professores
T1 2019 / 2 60 54 Psicologia (Bacharelado - Noturno)
Horários
ManhãTardeNoite
QUI19:00 - 19:50
19:50 - 20:40
20:40 - 21:30
21:30 - 22:20
CLADEMIR LUIS ARALDI
Professor responsável pela turma

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
PSICOLOGIA E FILOSOFIA Psicologia (Bacharelado - Noturno)

Página gerada em 14/11/2019 09:40:18 (consulta levou 0.167034s)