Nome da Atividade
TEORIA MUSEOLÓGICA
CÓDIGO
10790086
Carga Horária
60 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
4
CRÉDITOS
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Conceitos de museu e museologia. Museus e museologia: origens, trajetória do campo e desdobramentos contemporâneos. Museologia e a inter-relação epistemológica com as ciências humanas e sociais. Museu e pesquisa: o objeto de estudo da museologia. A museologia enquanto ciência aplicada. A museologia e as acepções do termo. O museu como fenômeno social. Discurso crítico sobre o papel social e político dos museus. Nova Museologia, Museologia social e a função social dos museus. Museu e museologia na sociedade contemporânea.

Objetivos

Objetivo Geral:

Objetivo Geral:
Apresentar e discutir a importância da Museologia como campo de saber, disciplina científica e sua inter-relação com as ciências humanas e sociais.

Objetivos Específicos:
● Apresentar conceitos de museu e museologia;
● Assinalar as especificidades do campo científico;
● Discutir acerca da trajetória do campo, de sua origem à atualidade;
● Promover reflexões a respeito da relação entre a Museologia e as ciências humanas e sociais;
● Problematizar o papel social e político desempenhado pelos museus na contemporaneidade.

 

Objetivos Específicos:

● Apresentar conceitos de museu e museologia;
● Assinalar as especificidades do campo científico;
● Discutir acerca da trajetória do campo, de sua origem à atualidade;
● Promover reflexões a respeito da relação entre a Museologia e as ciências humanas e sociais;
● Problematizar o papel social e político desempenhado pelos museus na contemporaneidade.

Conteúdo Programático

Unidade 1:
● Museus e Museologia: conceitos, origens, trajetória do campo e contemporaneidade;
● Museologia e relação epistemológica com as ciências humanas e sociais.

Unidade 2:
● Museu, pesquisa e seu objeto de estudo;
● Museologia: uma Ciência Aplicada e as significações do termo.

Unidade 3:
● Museu como fenômeno social;
● Papel social e político dos museus.

Unidade 4:
● Nova Museologia, Museologia social e função social dos museus;
● Museu e Museologia na contemporaneidade.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • Básica: ABREU, Regina; CHAGAS, Mário (Org.). Memória e Patrimônio: Ensaios Contemporâneos. Rio de Janeiro: DP&A, 2003. 316 p; DESVALLÉES, André; MAIRESSE, François (Ed.). Conceitos-chave de museologia. São Paulo: Comitê Brasileiro do Conselho Internacional de Museus, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura, 2013. 98 p; FERNÁNDEZ L. A., 1999. Introducción a la Nueva Museología. Madrid: Alianza Editorial, 2003. 208 p; LOPES, Maria Margaret. O Brasil Descobre a Pesquisa Científica: Os Museus e as Ciências Naturais no Século XIX. 2. ed. São Paulo: HUCITEC; Brasília : UnB, 2009. 369 p; MUSEU DE ASTRONOMIA E CIÊNCIAS AFINS. Museu: Instituição de Pesquisa. Rio de Janeiro: MAST, 2005. 100 p. (MAST Colloquia; 7).

Bibliografia Complementar:

  • Complementar: ARAÚJO, Marcelo Mattos; BRUNO, Maria Cristina Oliveira (org.). A Memória do Pensamento Museológico Contemporâneo - Documentos e Depoimentos. São Paulo: Comitê Brasileiro do ICOM, 1995; BRUNO. Maria Cristina Oliveira. Museologia e Museus: Princípios, Problemas e Métodos. Lisboa: Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, 1997 (Cadernos de Sociomuseologia, n. 10); _______________. Museologia e Museus: Os Inevitáveis Caminhos Entrelaçados. Lisboa: Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Cadernos de Sociomuseologia, n. 25, p. 05-20, 2006; CÂNDIDO, M.D. As Ondas do Pensamento Museológico: Balanço Sobre a Produção Brasileira. Museus como Agentes de Mudança Social e Desenvolvimento: São Cristóvão, Museu de Arqueologia de Xingó, 2008; CERÁVOLO, Suely Moraes. Delineamentos para uma Teoria da Museologia. Anais do Museu Paulista, Nova Série, São Paulo, vol. 12, p. 237-268, jan/dez. 2004; CHAGAS, Mario de Souza. Museália. Rio de Janeiro: JC Editora, 1996. 124 p; _______________. Há uma Gota de Sangue em Cada Museu – A Ótica Museológica de Mário de Andrade. Chapecó: Argos, 2006; CURY, Marília Xavier. Museologia. Marcos Referenciais. Cadernos do CEOM. Chapecó: Argos, n. 21, p. 45-73, 2005b; LOPES, C. História e Idéias da Nova Museologia. Textos de Museologia - Cadernos do Minom, n.º 1, 1991; _______________. Objeto de estudo da Museologia. Rio de Janeiro: UNIRIO/UFG, 1994; MOUTINHO, Mário. A Construção do Objeto Museológico. Lisboa: Universidade de Humanidades e Tecnologias, 1994; POSTMAN, Neil. A Ampliação do Conceito de Museu. In: SCHEINER, Tereza. Bases Teóricas de Museologia, UNIRIO, 2005, p. 01-06; PRIMO, Judite Santos. Pensar Contemporaneamente a Museologia. Lisboa: Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Cadernos de Sociomuseologia, n. 16, p. 05-38. 1999.

Turmas Ofertadas

Turma Período Vagas Matriculados Curso / Horários Professores
T1 2021 / 2 35 15 Museologia (Bacharelado)
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
SARAH MAGGITTI SILVA
Professor responsável pela turma

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
TEORIA MUSEOLÓGICA Museologia (Bacharelado)

Página gerada em 04/07/2022 03:25:19 (consulta levou 0.128023s)