Nome da Atividade
INFORMÁTICA EM EDUCAÇÃO QUÍMICA
CÓDIGO
12000378
Carga Horária
45 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
3
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
3
CRÉDITOS
3
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) no ensino de Química. O trabalho com as ferramentas e softwares básicos de edição de texto, tabelas e apresentações para a formação de professores. As ferramentas de pesquisa e o Ensino de Química: Periódicos CAPES e configurações de proxy universitário, Google Scholar e outras. Ferramentas digitais de busca e edição de normas técnicas na formatação de trabalhos acadêmicos. A produção e edição de vídeos para o Ensino de Química. Avaliação e utilização de softwares, aplicativos de dispositivos móveis, ambientes virtuais de aprendizagem e sua integração com animações, simulações e informações para o Ensino de Química. As mídias sociais digitais apropriadas para o Ensino de Química.

Objetivos

Objetivo Geral:

GERAL:
Discutir as potencialidades das tecnologias de informação e comunicação no ensino de química, propondo e avaliando as ferramentas computacionais na prática pedagógica.
ESPECIFÍCOS:
- Conhecer e permitir a aplicação de conhecimentos relacionados com as tecnologias de informação e comunicação, no sentido de buscar, usar e avaliar ferramentas da informática (programas, sites, materiais didáticos) em sua prática profissional.
- Desenvolver habilidades para recorrer às ferramentas computacionais para aprender e ensinar química.
- Propor e analisar o uso das tecnologias para práticas pedagógicas inclusivas.
- Visualizar e capacitar a aplicação, em sala de aula e/ou laboratório de informática, de instrumentos/recursos trabalhados nas aulas.
- Trabalhar com os novos recursos midiáticos e novas tecnologias, especialmente as mídias sociais na promoção do Ensino de Química

Conteúdo Programático

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • 1. GIORDAN, Marcelo. Computadores e linguagens nas aulas de Ciências: uma perspectiva sociocultural para compreender a construção de significados. Ijuí: Unijuí, 2008.
  • 2. RAMOS, Edla M. F.; ARRIADA, Monica C.; RANGEARO, Leda M. Introdução à Educação Digital. 1. ed. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2013.
  • 3. TORNAGHI, Alberto J.C.; PRADO, Maria E.B.B.; ALMEIDA, Maria E.B.. Tecnologias na educação: ensinando e aprendendo com as TIC: guia do cursista. 2. ed. – Brasília: Secretaria de Educação a Distância, 2010.

Bibliografia Complementar:

  • 1.Portal de periódicos da CAPES (www.periodicos.capes.gov.br)
  • 2. ROSA, M. P. A.; EICHLER, M. L. Tecnologias e professores de Química: um programa brasileiro de desenvolvimento profissional. Revista Internacional de Formação de Professores, v. 2, p. 113-125, 2017.
  • 3. Artigos da Revista Química Nova na Escola (http://qnesc.sbq.org.br/).

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
INFORMÁTICA EM EDUCAÇÃO QUÍMICA Química (Licenciatura)

Página gerada em 26/05/2024 21:43:44 (consulta levou 0.138750s)