Nome da Atividade
INSTRUMENTAÇÃO PARA O ENSINO DE QUÍMICA
CÓDIGO
12000425
Carga Horária
60 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
2
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
1
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
CRÉDITOS
4
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7
CARGA HORÁRIA EXTENSÃO
1

Ementa

A instrumentação, em especial, a experimentação no ensino de Química: objetivos, limites, dificuldades, potencialidades ao ensino, organização e segurança em laboratório escolar. O uso de materiais alternativos e de fácil acesso. Avaliação e utilização de livros didáticos e outros materiais de ensino. Construção de materiais didáticos. A inclusão e o Ensino de Química. Desenvolvimento de atividades extensionistas com comunidades escolares ou público em geral com vistas à implementação das discussões sobre instrumentação num nível da prática docente a partir da vinculação ao Projeto de Extensão: “Professores de Química em formação com e na comunidade escolar” (código 3827).

Objetivos

Objetivo Geral:

GERAL:
Desenvolver reflexões e ações como instrumento para a formação de professores de Química, compreendendo o
papel da instrumentação para o ensino de química.

ESPECÍFICOS:
- Entender a importância da organização, do funcionamento e da segurança no laboratório escolar.
- Entender limites e potencialidades envolvidos na instrumentação para o ensino de Química.
- Analisar materiais didáticos, produzir roteiros de práticas experimentais e desenvolver experimentos com o uso
de materiais alternativos e de fácil acesso para o nível médio, bem como para a realização de práticas inclusivas e
interdisciplinares.
- Discutir a importância do desenvolvimento de atividades experimentais seguras e com responsabilidade com
relação ao descarte e tratamento de resíduos, desenvolvendo princípios de educação ambiental e para inclusão de
estudantes com necessidades especiais.
- Propor ações e reflexões voltadas para a formação de educadores comprometidos com a formação para a
cidadania, com a ética e com o respeito à diversidade.
- Permitir a ampliação dos conhecimentos para além dos espaços da universidade, por meio de ações
extensionistas.

Conteúdo Programático

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • 1. BESSLER, Karl E. Química em tubos de ensaio uma abordagem para principiantes. 3. São Paulo Blucher 2018. Recurso online ISBN 9788521213116.
  • 2. LOURENÇO, Érika. Conceitos e práticas para refletir sobre a educação inclusiva. São Paulo Autêntica 2010. Recurso online ISBN 9788582178942.
  • 3. SANTOS, Widson Luiz Pereira dos (Organizador). Ensino de química em foco. Ijuí: UNIJUÍ, 2010. 365 p.

Bibliografia Complementar:

  • 1. BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2018.
  • 2. BRASIL. Lei 13.146/2015, de 06 de julho de 2015 - Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Brasília, 2015.
  • 3. Livros didáticos do ensino médio.
  • 4. MATEUS, A. L.; Química na cabeça. Editora UFMG; Belo Horizonte, 2001.
  • 5. Revista Química Nova na Escola. Sociedade Brasileira de Química. Acessível em: http://qnesc.sbq.org.br/.
  • 6. SANTOS dos, W.L.P. e SCHNETZLER, R.P., Educação em Química: compromisso com a Cidadania. Ijuí: UNIJUI, 2010.

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
INSTRUMENTAÇÃO PARA O ENSINO EM QUÍMICA Química (Licenciatura)

Página gerada em 25/06/2024 16:28:14 (consulta levou 0.156756s)