Nome da Atividade
LÍNGUA PORTUGUESA: SINTAXE I
CÓDIGO
20000485
Carga Horária
60 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
3
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
1
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
CRÉDITOS
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Conceitos teóricos básicos para o estudo da sintaxe do português. Revisão crítica da análise tradicional com base em pesquisas linguísticas. Sintaxe e pontuação. Reflexão metadidática e atuação pedagógica junto ao/s grupo/s de trabalho.

Objetivos

Objetivo Geral:

Oferecer condições aos alunos que lhes permitam:
- desenvolver uma prática reflexiva sobre a estrutura da língua;
- compreender os processos de estruturação do período simples do ponto de vista da tradição gramatical e das teorias linguísticas;
- desenvolver uma visão crítica a respeito da análise sintática do português brasileiro proposta pela teoria tradicional;
- reconhecer as propriedades e as características das diferentes funções sintáticas do nível oracional;
- desenvolver a reflexão metadidática;
- atuar pedagogicamente junto ao/s grupo/s de trabalho.


Oferecer condições aos alunos que lhes permitam:
- Comparar estruturas oracionais do português brasileiro culto com estruturas
88
oracionais do português brasileiro coloquial;
- Analisar a estrutura interna da oração, em termos das relações sintagmáticas e das funções sintáticas;

Conteúdo Programático

Unidade 1: Conceito de gramática. Tipos de gramática. Definição de sintaxe e de seu objeto de estudo.
Unidade 2: A noção de sujeito na Tradição Gramatical e nas Teorias Linguísticas. Ordem dos constituintes sentenciais e concordância verbal. Sujeitos lexicalmente realizados nas frases finitas. Sujeito nulo no português brasileiro.
Unidade 3: Os verbos auxiliares e as locuções verbais. Gerundismo.
Unidade 4:A noção de complementação na Tradição Gramatical e nas Teorias Linguísticas. Tipos de verbos em função de sua complementação. Complementos pronominais : as estratégias de pronominalização no português brasileiro. Passivização.
Unidade 5: A noção de adjunto na Tradição Gramatical e nas Teorias Linguísticas. Forma dos adjuntos (advérbios, sintagmas preposicionais com/sem núcleo). Posição dos adjuntos. Negação.
Unidade 6: Reflexão sobre a relação entre teoria e prática

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • BAGNO, M. Não é errado falar assim! Em defesa do português brasileiro. São Paulo: Parábola Editorial, 2009. CUNHA, C.; CINTRA, L. Nova gramática do português contemporâneo. Rio de Janeiro: Lexikon, 2013. KATO, M.; NASCIMENTO, M. (orgs). Gramática do português culto falado no Brasil: volume 2: a construção da sentença. São Paulo: Contexto, 2015. KENEDY, Eduardo; OTHERO, Gabriel de Ávila. Para conhecer sintaxe. São Paulo: Contexto, 2018. MIOTO, C. et al. Novo Manual de sintaxe. São Paulo: Contexto, 2013.

Bibliografia Complementar:

  • BECHARA, Evanildo. Moderna gramática portuguesa. Rio de Janeiro: Editora Lucena, 1999. 89 CASTILHO, A.T. Nova gramática do português brasileiro. São Paulo: Contexto, 2010. FERRAREZI JUNIOR, Celso. Sintaxe para a educação básica. São Paulo: Contexto, 2018. OTHERO, G. Mitos de linguagem. São Paulo: Parábola Editorial, 2017. PERINI, M. A. Gramática do português brasileiro. São Paulo: Parábola Editorial, 2010.

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
LÍNGUA PORTUGUESA: SINTAXE I Letras - Português (Licenciatura - Noturno)

Página gerada em 04/12/2020 11:28:46 (consulta levou 0.201580s)