Nome da Disciplina
EXTENSÃO RURAL
CÓDIGO
D000653
Carga Horária
34 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
2
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
1
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
1
CRÉDITOS
2
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

O cenário internacional do agronegócio. A estrutura e organização do sistema agroindustrial. A política agrícola no Brasil. O desenvolvimento rural brasileiro e a realidade da agricultura brasileira. A contextualização da extensão rural no Brasil. Comunicação rural. Metodologia e planejamento em extensão rural. Enfoques contemporâneos em extensão rural.

Objetivos

Objetivo Geral:

Estudar os conteúdos necessários para que os alunos possam atuar de forma consistente e criativa no desenvolvimento rural, levando em consideração os aspectos econômicos, sociais e culturais da realidade brasileira e internacional.

 

Objetivos Específicos:

1.Conhecer os conceitos fundamentais sobre a estrutura e organização das cadeias produtivas e dos mercados no agronegócio;
2.Estudar os processos de formulação e os instrumentos de política agrícola que possibilitam a inserção competitiva do agronegócio nos mercados nacional e internacional;
3.Possibilitar a compreensão do papel da Extensão Rural no processo de desenvolvimento da agropecuária brasileira e as suas relações com as demais políticas públicas;
4.Identificar e apreender os modelos teóricos da geração e transferência de tecnologia e a vinculação com as questões relacionadas à comunicação; metodologia e planejamento em Extensão Rural;
5.Interpretar e discutir os desafios e as potencialidades do desenvolvimento rural, ressaltando elementos como: o enfoque sistêmico e a sustentabilidade nos processos de produção, agroindustrialização e organização da população rural.

Conteúdo Programático

UNIDADE I - O CENÁRIO INTERNACIONAL DO AGRONEGÓCIO
1.1-A globalização da economia e o agronegócio.
1.2-O acordo agrícola na OMC.
1.3-A política agrícola nos países desenvolvidos.
1.4-A inserção internacional do agronegócio brasileiro.
UNIDADE II - A ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO DO SISTEMA AGROINDUSTRIAL
2.1-Os ambientes institucional e organizacional da economia agrícola.
2.2-As diferentes visões do sistema agroindustrial.
2.3-As dimensões e os agentes do agronegócio.
UNIDADE III - A POLÍTICA AGRÍCOLA NO BRASIL
3.1-A organização institucional da política agrícola: níveis federal, estadual e municipal.
3.2-Os principais instrumentos de política agrícola.
3.3-Mercados futuros de commodities agropecuárias e de opções.
UNIDADE IV - O DESENVOLVIMENTO RURAL BRASILEIRO E A REALIDADE DA AGRICULTURA BRASILEIRA
4.1-O modelo de desenvolvimento brasileiro e suas implicações para a questão agrária
4.2-Os impactos da modernização agropecuária brasileira: elementos para análise
4.3-As perspectivas e os enfoques sobre desenvolvimento rural e agricultura no Brasil
UNIDADE V – A CONTEXTUALIZAÇÃO DA EXTENSÃO RURAL NO BRASIL
5.1-Origens e Histórico da Extensão Rural no Brasil
5.2-Modelos orientadores da Ação Extensionista: modelo clássico e modelo difusionista-inovador
5.3-Modelos contemporâneos orientadores da Extensão Rural
UNIDADE VI – COMUNICAÇÃO RURAL
6.1-O processo de comunicação e sua importância
6.2-O modelo clássico da comunicação rural
6.3-A nova concepção crítica do modelo de comunicação rural
UNIDADE VII – METODOLOGIA E PLANEJAMENTO EM EXTENSÃO RURAL
7.1-O método e sua importância
7.2-Métodos de comunicação e métodos de Extensão Rural
7.3-Métodos em Extensão Rural: classificação, características, uso, limitações
7.4-Importância e princípios básicos do planejamento
UNIDADE VIII – ENFOQUES CONTEMPORÂNEOS EM EXTENSÃO RURAL
8.1-A Extensão Rural e a pobreza rural
8.2-A Extensão Rural e a segurança alimentar
8.3-A Extensão Rural e sustentabilidade

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • BATALHA, Mário O. (Coord.) A gestão agroindustrial. 3.ed. São Paulo:. Atlas, 2008. GEPAI.
  • FONSECA, Maria Tereza. A extensão rural no Brasil: um projeto educativo para o capital. São Paulo: Loyola, 1985.
  • FREIRE, Paulo. Extensão ou comunicação? 4.ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979.

Bibliografia Complementar:

  • ALMEIDA, J. A. Pesquisa em extensão rural: um manual de metodologia. Brasília: MEC/ABEAS, 1989.
  • BORDENAVE, Juan E.D. O que é comunicação rural. São Paulo: Brasiliense, 1983.
  • BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Agrário. Política Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (PNATER). Brasília, 2004.
  • CASAROTTO FILHO, N.; PIRES, L. H. Redes de pequenas e médias empresas e desenvolvimento local: estratégias para a conquista da competitividade global com base na experiência italiana. São Paulo: Atlas, 1999. (Capítulos 2; 3 e 6).
  • JANK, M. S. e JALES, M. A agricultura nas negociações da OMC, ALCA e UE-MERCOSUL: impasses e perspectivas. São Paulo: ICONE, novembro de 2003. 16p.

Turmas Ofertadas

Turma Período Vagas Matriculados Curso / Horários Professores
M1 2018 / 2 25 9 Engenharia Agrícola (Bacharelado)
Horários
ManhãTardeNoite
QUA10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
NADIA VELLEDA CALDAS
Professor responsável pela turma

FLAVIO SACCO DOS ANJOS
Professor Regente

DECIO SOUZA COTRIM
Professor Regente

FERNANDA NOVO DA SILVA
Professor Regente

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
POLÍTICA AGRÁRIA E EXTENSÃO RURAL Engenharia Agrícola (Bacharelado)

Página gerada em 18/12/2018 11:19:22 (consulta levou 0.118642s)